Ventos da modernidade

Após 109 anos aeroporto é fechado na China

Centenário Nanyuan encerra suas operações após inauguração do gigantesco aeroporto de Daxing


A China fechou o aeroporto de Nanyuan após 109 anos de operação ininterrupta. Localizado nos arredores de Pequim, o aeroporto nos últimos anos havia se transformado no hub exclusivo da China United Airlines, que opera voos domésticos para as principais províncias da China.

A companhia transferiu todas suas operações para o recém-inaugurado aeroporto de Daxing, que pode movimentar em primeiro momento mais de 75 milhões de passageiros ao ano, podendo atingir a marca de 120 milhões até o final da próxima década.

LEIA TAMBÉM

O aeroporto de Nanyaun foi inaugurado em 1910, quando o então governo chinês montou uma fábrica destinada a produção de aviões no local. Ainda que a experiência de uma produção nacional de aeronave não tenha ocorrido a princípio, o local se tornou uma base militar até ser convertida em um aeroporto. A China United Airlines foi estabelecida em 1986, como uma divisão civil da força aérea chinesa, voando principalmente para cidades do interior do país.

Em 2013 foi inaugurado um novo terminal de passageiros, com capacidade para até 6 milhões de passageiros ao ano, quase dobrando a capacidade do antigo terminal. Com a inauguração do novo aeroporto as operações além de pequenas para justificar sua existência, conflitaria com a aproximação do Daxing, exigindo uma readequação dos procedimentos de chegada e saída, que se mostrou inviável.

A expectativa é que o centenário aeroporto seja demolido e sua área seja utilizada para empreendimentos imobiliários.

ASSINE AERO MAGAZINE COM ATÉ 76% DE DESCONTO

Edmundo Ubiratan | Imagem: Divulgação

Publicado em 2 de Outubro de 2019 às 15:00


Notícias notícias de aviação avião aeronave aeroporto Nanyuan Daxing China China United Airlines força aérea chinesa Pequim Beijing