A conta chegou

Lufthansa venderá US$ 2,5 bilhões em ações para pagar governo alemão

Aporte estatal foi dado ao grupo em 2020


Airbus A350 da Lufthansa

Recuperação da demanda permitiu o pagamento mais cedo do que o previsto - Foto: Divulgação

O Lufthansa Group planeja levantar US$ 2,5 bilhões (R$ 13,2 bilhões) em aumento de capital para pagar o empréstimo concedido pelo governo da Alemanha para manter sua operacionalidade durante a pandemia de covid-19, em 2020.

O anúncio veio em um momento que as companhias aéreas do grupo estão enxergando recuperação na demanda por viagens. Espera-se que o resultado financeiro do terceiro trimestre de 2021, que será anunciado em outubro, seja positivo.

A venda de novas ações permitirá estabelecer uma estrutura de capital sustentável e eficiente, de acordo com um comunicado divulgado no domingo (19). Ela ocorrerá entre que ocorrerá entre os dias 22 de setembro e 5 de outubro. “Sempre deixamos claro que só manteremos o pacote de estabilização pelo tempo necessário. "Estamos, portanto, orgulhosos de que agora podemos cumprir nossa promessa e retribuir as medidas mais rápido do que o esperado originalmente”, segundo o CEO, Carsten Spohr.

O reembolso será feito em duas parcelas, que serão pagas até o fim do ano.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

 

Marcel Cardoso

Publicado em 20 de Setembro de 2021 às 08:25


Notícias noticias noticias de aviação Lufthansa Ações Venda Empréstimo Governo Alemanha