Retomada para o MAX

Southwest Airlines amplia encomenda para o 737 MAX 7

Total de pedidos firmes chega as 234 aeronaves e ultrapassa a marca de US$ 23 bilhões


Boeing 737 MAX 8 da Southwest Airlines, dos EUA

Southwest planeja renovar a frota de 737-700 com os novos 737 MAX 7

A Southwest Airlines anunciou hoje (8), que ampliou em 34 aeronaves o seu pedido original para o Boeing 737 MAX 7, elevando o número total para 234. Os valores não foram divulgados, mas podem atingir os US$ 3,38 bilhões (R$ 17 bilhões), baseados em preço de tabela.

A companhia cita a ampliação do pedido após a melhora da demanda por viagens domésticas nos Estados Unidos. A Southwest ainda tem outro pedido firme para 149 unidades do 737 MAX 8 que devem ser entregues ao longo dos próximos nove anos, a medida que as aeronaves mais antigas serão retiradas da frota.

“Com base na melhoria nas tendências de receita e planos contínuos de modernização da frota, a empresa recentemente celebrou um acordo suplementar com a Boeing para aumentar seus pedidos firmes de 2022 em 34 aeronaves Boeing 737 MAX 7 (consistindo em duas opções 2022 exercidas e 32 opções aceleradas e exercidas posteriormente anos), resultando em 234 pedidos firmes de aeronaves MAX 7”, afirmou a Southwest.

A empresa espera uma melhora na demanda ao longo de julho, em paralelo com o avanço no processo de imunização e a temporada de verão nos Estados Unidos, podendo retomar ainda no próximo semestre o movimento registrado em 2019.

A Southwest Airlines possui atualmente mais de 730 aeronaves em sua frota, composta integralmente pela família 737 nas versões NG e MAX.

Por Marcel Cardoso

Publicado em 8 de Junho de 2021 às 10:50


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Boeing 737 737 MAX Southwest