Ultralongo alcance

Terceiro protótipo do G700 realiza voo inaugural

Aeronave conduzirá uma série de baterias dedicadas da campanha de ensaios


Gulfstream deverá contar com cinco protótipos durante a campanha de ensaios em voo do G700

O terceiro protótipo do Gulfstream G700 realizou o primeiro voo na última sexta-feira (8), ampliando a frota de aeronaves destinadas a campanha de ensaios em voo, que deverá chegar aos cinco até o final do semestre.

Chamada internamente de T3, alusão a Test 3, a aeronave registrada como N703GA realizou um voo de 3 horas e 2 minutos, decolando da sede do fabricante no aeroporto internacional de Savannah, na Georgia, e atingiu altitude de 45.000 pés, voando a Mach 0,85 durante a fase de cruzeiro.

LEIA TAMBÉM

O novo avião amplia a capacidade do programa G700, que desde o dia 14 de fevereiro iniciou a campanha de ensaios em voo com o primeiro protótipo T1, seguido do T2 que fez sua estreia no dia 20 de março. Atualmente as aeronaves de testes acumulam pouco mais de 100 horas de voo, tendo já atingindo o teto de 54.000 pés e a marca de Mach 0,94.

Segundo a Gulfstream, cada aeronave está dedicada a um programa especifico de ensaios, com o T1 voltado para expansão do envelope de voo, vibração, características e controle de voo e formação de gelo em diferentes condições de operação. O T2 está dedicado a campanha de desenvolvimento de cabine e ensaios estáticos, enquanto o T3 vai realizar testes de carga, operação do motor e reversos, desempenho em aeroportos e subida; já o próximo avião, o T4, será responsável pelo sistema de controle ambiental, sistema mecânico; por fim, o T5 será focado em sistemas eletrônicos e aviônica, inclusive sendo a base do simulador level-D.

O sexto avião será destinado a pré-produção, sendo o último elo entre a fase de projeto e os modelos de série. A expectativa é concluir o programa de certificação até meados de 2022, dependendo apenas do impacto da COVID-19 nos processos regulatórios.

"O programa de testes de voo do G700 está funcionando muito bem, um reflexo dos extensos testes que realizamos em nossos laboratórios", disse o presidente da Gulfstream, Mark Burns. "Todas as três aeronaves de teste  estão funcionando exatamente como esperávamos".

O novo G700 é uma versão de ultralongo alcance e cabine estendida derivado do G650ER, oferecendo alcance de 6.400 nm (11.900 km) voando a Mach 0.90 ou 7.500 nm (13.900 km) voando a Mach 0.85. O avião foi lançado na última NBAA-BACE, que ocorreu em Las Vegas, em outubro de 2019. O avião dispõe de vinte janelas panorâmicas e deverá oferecer até cinco zonas de cabine.

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 11 de Maio de 2020 às 07:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Gulfstream G650ER G700 protótipo ensaios em voo covid-19 coronavírus