Resposta ao Global

Novo avião de negócios a Gulfstream tem cinco zonas de cabine e alcance de 13.890 km

G700 é confirmado durante a NBAA e apresenta um salto tecnológico e de capacidade em relação ao G650ER


A Gulfstream confirmou o lançamento do G700, seu avião de maior capacidade durante a NBAA-BACE 2019, que ocorre em Las Vegas. O fabricante norte-americano afirmou que o lançamento se trata de sua aeronave principal, mais espaçosa e de melhor desempenho que seus antecessores.

Conforme adiantado por AERO Magazine, o G700 será o avião de maior alcance e com a maior cabine da família Gulfstream. A aeronave possui uma cabine mais alta, mais larga e mais longa no segmento, podendo voar 7.500 milhas náuticas (13.890 km) a Mach 0,85 ou 6.400 nm (11.853 km) com Mach 0,90.

LEIA TAMBÉM

O modelo é uma resposta ao Global 7500, da Bombardier, que inovou com uma cabine de quatro zonas e melhor aproveitamento do espaço interno. A nova cabine do G700 permite até cinco áreas de estar, contando uma nova galley de grande capacidade, um lounge para passageiros que pode ser substituído por uma zona de descanso da tripulação, uma sala de jantar e conferência de seis lugares, seguido de uma ampla uma suíte master com chuveiro. Seguindo o projeto padrão o G700 dispõem 20 janelas ovais panorâmicas da Gulfstream, as maiores do setor, contando ainda com a menor altitude de cabine do setor.

Uma das maiores novidades do G700 foi a ampliação do conceito de iluminação a bordo, que permite ampliar e melhorar o ciclo circadiano. A tecnologia desenvolvida pela Gulfstream recria o nascer e o pôr do sol através de milhares de LED brancos e âmbar, convencendo suavemente os passageiros sobre seu novo fuso horário e reduzindo bastante o impacto físico de viajar pelo mundo de forma continua.

O G700 será equipado com o Symmetry Flight Deck já utilizado em outros modelos da família, como os G500 e G600, contudo, com uso mais extensivo da tecnologia des telas sensíveis ao toque. O avião será equipado com sidesticks de controle ativo, mantendo a nova filosofia do setor em abolir a coluna do manche, considerada mais pesada e complexa. O avião ainda terá o Predictive Landing Performance System, que avisa aos pilotos avançados sobre possíveis excursões na pista, aumentando a consciência situacional durante o pouso, além de receber os já conhecidos Enhanced Flight Vision System e o Synthetic Vision que são exibidos nos dois Hed-up Display.

O G700 será impulsionado pelos motores Rolls-Royce Pearl, de nova geração e maior desempenho. A expectativa é que a primeira entrega ocorra em meados de 2022.

ASSINE AERO MAGAZINE COM ATÉ 76% DE DESCONTO

Por Edmundo Ubiratan, de Las Vegas | Imagem: Divulgação

Publicado em 22 de Outubro de 2019 às 13:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião jatinho Gulfstream NBAA G700 G650ER Las Vegas