Substituto do C-130 Hercules

Primeiro KC-390 português começa a ser produzido

Componentes da estrutura principal foram concluídos pela OGMA e serão enviado para o Brasil


Primeiro KC-390 destinado a força aérea portuguesa começa a ser produzido

A OGMA, subsidiária da Embraer em Portugal, anunciou que finalizou a produção do primeiro painel de fuselagem do C-390 Millennium destinado a força aérea portuguesa. Atualmente a Embraer conta com um pedido firme para cinco KC-390, que devem substituir os atuais C-130 Hercules.

A OGMA é responsável pela produção de partes da estrutura central, assim como profundores, carenagem do trem de pouso central, entre outros. Esses componentes são fabricados em solo português e enviados para o Brasil de navio, sendo entregues para a unidade de Gavião Peixoto, da Embrear, onde está situada a linha de montagem final do C-390 Millennium.

LEIA TAMBÉM

Em agosto de 2019 o governo português confirmou a compra dos cargueiros brasileiros para compor a frota da Força Aérea Portuguesa (FAP), em um contrato avaliado em 827 milhões de euros, com a previsão das aeronaves serem entregues entre 2023 e 2027.

Portugal é um dos parceiros estratégicos no programa C-390, sendo o segundo cliente confirmado para o novo avião. A expectativa é que com a parceria da Boeing e Embraer na comercialização do modelo exista a possibilidade de novas vendas ao redor do mundo, com destaque para os Estados Unidos e demais países membros da Otan.

ASSINE AERO MAGAZINE COM ATÉ 76% DE DESCONTO

Por Gabriel Benevides

Publicado em 30 de Janeiro de 2020 às 17:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Embraer C-390 KC-390 Millennium aviação militar FAP Portugal Boeing Otan