12 trabalhos do Hércules

Hercules amplia capacidade de operações especiais

Sistema de comunicação permite integrar plataformas da força aérea, marinha e exército dos EUA


MC-130J da USAF passa a dispor de sistema AbMN que amplia integração entre comando de operações especiais

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

O Comando de Operações Especiais da força aérea dos Estados Unidos (AFSOC, sigla em inglês), recebeu o primeiro MC-130J equipado com o conjunto de comunicações seguras Airborne Mission Networking (AbMN), que melhora a integração entre plataformas de operações especiais da força aérea (USAF), exército (US Army) e marinha (US Navy).

O MC-130J é a versão do C-130J Hercules modificada especificamente para a comunidade de operações especiais, substituindo o MC-130H Combat Talon II. A aeronave modificada traz novos recursos críticos de comunicação e reconhecimento.

LEIA TAMBÉM

O pacote AbMN unifica os dados de vários componentes que compõem coletivamente o avançado sistema de missão, permitindo que os operadores da USAF, por exemplo, se concentrem em um conjunto de dados críticos da missão, em vez de realizar a busca dos dados em vários sistemas.

O sistema também permite o gerenciamento de campos de batalha e prevenção de ameaças; pode gerar informações personalizadas para cada missão de vigilância; e fornece consciência situacional nos combates de ar-solo, comando e controle. A suíte AbMN permite o mapeamento e reconhecimento da situação, roteamento de dados, gravação e reprodução de vídeo, rádio de link de dados e equipamentos de suporte, reduzindo o esforço e carga de trabalho da tripulação.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 9 de Junho de 2020 às 09:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Lochkeed Martin C-130 Hercules HC-130J USAF EUA US Navy US Army AbMN