Efeito covid-19

Falta de pilotos levou a Delta Air Lines a cancelar voos na Páscoa

Pandemia tem causado vários problemas nos EUA em relação a disponibilidade de tripulantes


Mockup digital do Airbus A321 da Delta Air Lines

Pandemia causou alguns problemas na disponibilidade de pilotos nas principais empresas aéreas dos EUA

Ao menos setenta voos da Delta Air Lines foram cancelados no último domingo de Páscoa (4), por falta de pilotos. O problema tem sido recorrente desde o início da pandemia, visto a redução de equipes disponíveis e a redução de frota.

Além disso, a falta de pilotos disponíveis também é um dos motivos da maior quantidade de cancelamentos de voos, repetindo o problema ocorrido nos feriados de Ação de Graças (Thanksgiving) e no Natal.

Segundo o site View of the Wing, o sindicato de pilotos local havia afirmado que a pandemia de covid-19 foi um dos principais fatores para as dificuldades nestes períodos de grande movimento.

Uma das soluções adotadas pela Delta Air Lines para atender a alta demanda de passageiros foi liberar temporariamente os assentos intermediários, que estavam bloqueados para manter um maior distanciamento social a bordo. Na última semana, foi anunciado que a medida será revogada no próximo dia 1.º de maio.

A Delta informou que até maio, de forma temporária, está liberando os assentos intermediários para a inclusão de passageiros que tiveram seus voos cancelados na Páscoa.

Por Marcel Carodoso

Publicado em 6 de Abril de 2021 às 15:10


Notícias notícias de aviação aeronave avião Delta Air Lines pilotos pandemia páscoa cancelamento de voos