Menos poluição e ruídos

Empresa árabe vai utilizar voos comerciais como laboratório de testes

Etihad Airways iniciou serviços regulares com o Boeing 787 ecoDemonstrator


Último 787-10 da frota da Etihad ganhou a função de pesquisar dados para melhorar eficiência da aviação comercial

A Etihad Airways iniciou os voos comerciais com uma versão especial do Boeing 787 dedicado a melhorias na sustentabilidade. O avião faz parte do Programa Etihad Greenliner, lançado durante o Dubai Airshow 2019, e prevê obter dados que permitam reduzir as emissões ruído e de poluentes.

O 787 ecoDemonstrator entrou em serviço comercial após uma série de voos de testes com a participação de líderes do setor aeronáutico nos Estados Unidos, incluindo equipes de engenharia da Boeing e da Nasa.

O Boeing 787-10 (registro A6-BMI), é o último da encomenda original da da Etihad para a família Dreamliner, tornando a companhia aérea dos Emirados Árabes uma das maiores operadoras mundiais do jato, com 39 unidades na frota.

Denominado ecoDemonstrator 2020, o projeto é uma parceria com a Boeing, NASA e Sfran Landing Systems. Durante a campanha de ensaios iniciada em janeiro, o avião recebeu uma série de equipamentos especiais, que foram utilizados durante oito dias de testes especializados em sete iniciativas para aumentar a segurança e reduzir as emissões de CO₂ e ruído. Os voos ocorreram em Glasgow, Montana, e durante duas viagens transcontinentais entre Seattle e Charleston, cruzando os Estados Unidos de costa a costa.

A aeronave na sequencia teve parte dos equipamentos retirados, recebendo um interior completo para transporte de passageiros, mas mantendo parte dos sistemas de pesquisa. As informações coletadas servirão para melhorar as capacidades de previsão de ruído de aeronaves em um projeto da NASA. A intenção é que no futuro os pilotos também saibam como operar os aviões de maneira mais silenciosa, assim como os projetos futuros já incluam novas soluções que reduzam o ruído, como por exemplo, um trem de pouso mais eficiente em termos aerodinâmicos. O avião ainda permitirá os engenheiros testarem novos métodos de comunicação simultânea entre pilotos e controladores de tráfego aéreo, assim como centros de operações de companhias aéreas.

“A parceria da Boeing com a Etihad Airways no programa ecoDemonstrator elevou a aliança estratégica de sustentabilidade que formamos no ano passado a um nível totalmente novo”, disse Stan Deal, presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes. “Colaborações como essas são inestimáveis ​​para acelerar a inovação que aumenta a segurança e a sustentabilidade de voar. Os testes que conduzimos, em parceria com a NASA e a Safran Landing Systems, irão beneficiar a aviação e o mundo nos próximos anos”, concluiu o executivo.

Para comemorar o lançamento do ecoDemonstrator em serviço regular, a aeronave especial foi equipada com uma placa comemorativa destacando sua contribuição para a sustentabilidade, incluindo a frase “De Abu Dhabi para o Mundo”, uma versão reinventada do famoso slogan da companhia aérea.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 16 de Dezembro de 2020 às 11:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião Boeing 787 Etihad Airways Adu Dhabi 787-10 Nasa Safran ecoDemonstrator