Troca de aliados

Delta Air Lines anuncia a compra de 20% do capital da Latam Airlines

Empresa norte-americana amplia presença na América Latina por US$ 1,9 bilhão e assume compromissos da ex-rival


Acordo de US$ 1,9 bilhão inclui mudança na parceria entre alianças e a aquisição de parte da frota planejada para a empresa latina

A Delta Air Lines anunciou a conclusão de um acordo para comprar 20% de participação na Latam Airlines Group, em um negócio de US$ 1,9 bilhão. A transação entre a empresa norte-americana e a chilena Latam envolve as operações de todo o grupo na América Latina, incluindo a transportadora brasileira.

A negociação é a maior da Delta desde sua fusão com a também norte-americana Northwest Airlines, em 2008. A empresa espera ampliar sua participação no mercado latino americano, considerado estratégico para a companhia desde a aquisição da malha sul-americana da Pan Am, em meados de 1991.

LEIA TAMBÉM

Pelo acordo a Delta Air Lines deverá ainda receber quatro Airbus A350-900 da Latam, além de assumir o pedido de outros dez A350, que devem ser entregues entre 2020 e 2025. A Delta ainda financiará a saída da Latam da aliança Oneworld, permitindo assim um futuro ingresso na SkyTeam, onde é uma das sócias-fundadoras. A Latam solicitou hoje (26) sua saída formal da aliança com a American Airlines sem detalhar os planos para um novo acordo do tipo. "O grupo Latam está soliticando a sua saída da aliança Oneworld, sem planos de se juntar a qualquer outra neste momento", afirma a companhia em nota.

"A aliança com a Delta fortalece nossa empresa e aprimora nossa liderança na América Latina, fornecendo a melhor conectividade por meio de nossas redes de rotas altamente complementares", comentou Enrique Cueto, CEO da Latam.

A aquisição de 20% do capital da Latam ainda depende da aprovação governamental e das análises das leis antitruste e regulatórias do Chile. Recentemente a Latam buscou ampliar seus laços com a American Airlines e o grupo europeu International Airlines Group, que controla a Iberia e British Airways, mas o acordo sofreu forte resistência das autoridades chilenas.

"Essa parceria transformadora com a Latam reunirá nossas principais marcas globais, permitindo-nos oferecer o melhor serviço e confiabilidade para viajantes de, de e para as Américas", disse Ed Bastian, CEO da Delta Air Lines.

Atualmente a Delta ainda possui 9% do capital da Gol Linhas Aéreas, mas não detalhou os planos para a empresa brasileira.

ASSINE AERO MAGAZINE COM ATÉ 76% DE DESCONTO

Edmundo Ubiratan | Imagem: Divulgação

Publicado em 26 de Setembro de 2019 às 18:40


Notícias notícias de aviação avião Delta Air Lines Latam Gol Airbus A350 Boeing Pan Am Oneworld SkyTeam