Mais seguro

Airbus avança nos ensaios de recursos autônomos em helicóptero

Plataforma Vertex avalia opções para aumentar a segurança de voo e reduzir a carga de trabalho de pilotos


H130 da plataforma Vertex

Plataforma Vertex avalia uma série de novas tecnologias de voo autônomo

A Airbus avançou na validação de novos recursos autônomos do projeto Vertex, aplicados ao helicóptero Flightlab, que busca simplificar a preparação e o gerenciamento do voo, reduzir a carga de trabalho para os pilotos e ampliar a segurança operacional.

A plataforma do Flightlab conta com sensores baseados em um complexo algoritmos que auxilia a consciência situacional e ampliação das capacidades do piloto automático. O sistema ainda incluiu telas sensíveis ao toque e viseira para monitoração e controle de bordo.

Com a combinação das novas tecnologias, o Flightlab passa a contar com um sistema de gerenciamento de navegação e preparação de rotas, bem como decolagens e pousos automatizados.

“Ao usar nosso laboratório de voo, independente da plataforma para amadurecer essas tecnologias, temos um banco de testes ágil e eficiente que apoiará o desenvolvimento de sistemas autônomos”, disse Grazia Vittadini, diretora de tecnologia da Airbus.

A Airbus analisa o potencial de uma série de tecnologias de voo autônomo, que possa aprimorar as operações futuras e, ao mesmo tempo, aproveitar as oportunidades para testar com outras inovações tecnológicas, especialmente as relacionadas à segurança de voo.

A Vertex é administrada pela Airbus UpNext, divisão criada para o desenvolvimento de tecnologias futuras, sendo capacitada para avaliar e amadurecer novos produtos e serviços que abrangem avanços de alto nível tecnológico.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 27 de Abril de 2021 às 11:00


Notícias notícias de aviação aeronave helicóptero Airbus H130 Vertex asas rotativas