Combate insurgência

Super Tucano da força aérea nigeriana recebe camuflagem de selva

País africano encomendou doze aviões da Embraer que estão sendo produzidos nos Estados Unidos


Super Tucano da Nigéria recebeu o esquema camuflagem de selva, em virtude do terreno do país africano

O primeiro A-29 Super Tucano destinado para a Força Aérea da Nigéria (NAF, na sigla em inglês) foi exibido ostentando um esquema de pintura de selva, alusão a vegetação predominante no país africano.

O avião de ataque é produzido pela Embraer Defence & Security em conjunto com a norte-americana Sierra Nevada Corporation (SNC), dentro de um contrato para doze aeronaves.

Além do primeiro Super Tucano com esquema final de pintura, outras cinco unidades estão em processo de modificação na base aérea de Moody, na Geórgia. No local também ocorre os treinamentos para pilotos e mecânicos da NAF, que se preparam para o recebimento dos aviões até o final deste ano.

O Super Tucano tem se tornando um grande atrativo para países em desenvolvimento que estão em busca de modernizar a sua frota de combate com foco em operações de contra insurgência e com baixo custo de aquisição e operação. A aeronave foi projetada para atender missões de treinamento avançado, operações de apoio aéreo aproximado, inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR), contra insurgência e cenários de guerra militar.

O contrato também prevê a inclusão de sistemas de treinamento terrestre, sistemas de planejamento de missão, peças sobressalentes, além de suporte logístico nos Estados Unidos e em outros países que possuem representantes.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 9 de Março de 2021 às 16:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Embraer Super Tucano A-29 Nigéria Sierra Nevada