Alternativa a Guarulhos

Congonhas vai retomar operação internacional até o final do ano

Mudança atenderá exclusivamente voos executivos na capital paulista


Bombardier Global 5500

Aviação de negócios poderá operar voos internacionais a partir do aeroporto de Congonhas

O aeroporto de Congonhas (CGH), em São Paulo, deverá retomar suas operações internacionais nos próximos meses. Porém, a mudança será exclusivamente para voos executivos, não incluindo a aviação comercial.

O aeroporto está passando por obras, com previsão de serem concluídas em outubro, de modo a se adaptar para receber voos executivos internacionais. O objetivo é aproveitar a localização central do terminal, favorecendo assim deslocamentos de empresários e pessoas de negócios, ampliando a competitividade da região metropolitana de São Paulo.

As intervenções começaram no início do mês e estão sendo investidos R$ 2,5 milhões, procedentes do Fundo Nacional de Aviação Civil (Fnac). O novo terminal internacional terá instalações da Polícia Federal, da alfândega da Receita Federal, da Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Congonhas não recebe mais voos regulares de outros países há mais de três décadas, desde a inauguração do aeroporto internacional de São Paulo (GRU), em Guarulhos. Porém, a distância do aeroporto internacional com a região central da capital é um ponto contra a cidade, exigindo transferência por helicópteros ou enfrentando longos períodos de deslocamento terrestre. Cidades como Londres, na Inglaterra, conta com um aeroporto central internacional, visando atender a demanda de executivos.

Há a expectativa que, após a nova rodada de concessões de aeroportos, em 2022, Congonhas passe ter voos para o Aeroparque (AEP), em Buenos Aires, através de um acordo de céus abertos. Aliás, o aeroporto paulistano, ao lado do Santos Dumont, no Rio de Janeiro, são os mais valiosos ativos da Infraero, que deverá ser encerrada após a perda de seus dois mais rentáveis terminais.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Marcel Cardoso

Publicado em 23 de Junho de 2021 às 09:30


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação aeroporto Congonhas aeroporto internacional executiva Infraero