Nova realidade

Governo de MG contrata Infraero para administrar aeroporto do Vale do Aço

Estatal ampliou seu leque de negócios passando a oferecer seus serviços de administração e consultoria aeroportuária


Aeroporto deverá aproveitar potencial econômico e turístico da região do Vale do Aço

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

A Infraero foi contratada pelo Governo de Minas Gerais para fazer a gestão do aeroporto regional do Vale do Aço, localizado no município de Santana do Paraíso. A estatal será responsável por coordenar as atividades operacionais e a administração do terminal. O contrato tem validade de 12 meses a partir da assinatura da ordem de serviço, podendo ser prorrogado.

Após o processo de concessão dos principais aeroportos de sua rede para a iniciativa privada, a Infraero passou a vender serviços de gestão aeroportuária, consultorias, serviços de engenharia, meio ambiente, planejamento aeroportuário, manutenção aeroportuária, tecnologia da informação, gestão e operação de aeroportos. O modelo faz parte da estratégia para manter a viabilidade da estatal.

“Essa é uma importante parceria entre Governo de Minas Gerais e o Governo Federal, e fruto de muitas tratativas e diálogo. Queremos vocacionar o aeroporto, que é de suma importância para a região do Vale do Aço”, destaca Fernando Marcato, secretário de Infraestrutura e Mobilidade de Minas Gerais.

O aeroporto possui potencial para atender com maior capacidade a região do Vale do Aço, importante polo industrial de Minas Gerais, que conta com a estrada de ferro Vitória-Minas, por onde são transportadas a produção industrial da região, além de turistas, que podem sair de Minas Gerais até o Espírito Santo.

O Vale do Aço conta com o distrito industrial de Ipatinga, cuja produção de aço e produtos metalomecânicos se destaca e também é acompanhada pelos segmentos de artigos e acessórios de vestuário, extração e manipulação de minerais não-metálicos, fabricação de móveis, produção de alimentos e bebidas, produtos metalúrgicos e extração de eucalipto para celulose.

A Infraero também conta com treinamentos com o objetivo de capacitar as equipes dos terminais aeroportuários do país, tais como formação e administração do aeroporto e de suas atividades operacionais.

“A Infraero conhece cada detalhe e cada desafio das operações aeroportuárias, sejam elas de grande, médio ou pequeno porte. Contamos com equipes altamente capacitadas para atuar nas áreas de regulamentação, operação, segurança, manutenção, engenharia, meio ambiente, finanças, logística, ou seja, todo o know-how de uma operação aeroportuária”, comenta Francisco Nunes, superintendente de Negócios da Infraero.

Durante o ano de 2019 a Infraero alcançou a marca de 146 novos negócios concretizados, distribuídos entre 49 aeroportos do país. Entre esses terminais estão os de Divinópolis (MG), Parnaíba (PI), além do Aeródromo Brasília (DF), e mais recentemente o Aeroporto de Guarujá (SP), onde a Infraero é responsável pela gestão aeroportuária.

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 8 de Setembro de 2020 às 07:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Infraero aeroporto Vale do Aço Minas Gerais ferrovia