Mais por menos

Força Aérea dos EUA recebe o primeiro F-15EX

Caça é uma evolução da família F-15 e oferece capacidade similar aos aviões de geração 4,5


Primeiro F-15EX da força aérea dos EUA

F-15EX é uma evolução dos atuais F-15C/D e ampliam as capacidades do veterano caça

A Força Aérea dos Estados Unidos (Usaf, na sigla em inglês) recebeu seu primeiro F-15EX, apenas poucas semanas após o voo inaugural do modelo.

Ainda que seja oferecido com a designação EX, o novo caça é uma atualização dos atuais F-15, contando com novos displays digitais, suíte de aviônica avançada, novos sistemas de guerra como Eagle Passive e Active Warning and Suvivability e controles de voo fly-by-wire atualizados. Apesar de possuir dois lugares, o novo caça pode ser operado por um piloto.

Considerado um caça de geração 4,5 ou 4++, o F-15Ex adiciona uma importante capacidade intermediária a força aérea, que passa a dispor de uma nova aeronave capaz de complementar e dar suporte aos caças de quinta geração.

O modelo oferece integração com as novas armas hipersônicas, desenvolvimento e um amplo conjunto no sistema de guerra avançada, garantindo ao jato a capacidade de resposta para futuras ameaças, mesmo com o surgimento de novos aviões de quinta geração, como o russo Sukhoi Su-57 e o chinês Chengdu J-20.

O primeiro F-15EX foi entregue para Usaf nas instalações da Boeing localizada em St. Louis, Missouri. Com uma frota com idade média de mais de 37 anos, os atuais F-15-C/D se aproximam do limite operacional, enquanto os F-35 não estão ainda em quantidade suficiente na frota, nem com plena capacidade de combate.

A força aérea iniciou um processo de aquisição do F-15 EX em fevereiro de 2019 e planeja adquirir até 144 unidades do novo caça, que serão entregues ao longo da próxima década.

A aquisição dos F-15EX significa também redução de custos no médio prazo, visando atender aos requisitos de capacidade da Estratégia de Defesa Nacional dos Estados Unidos até o ano 2040.

Após a aceitação da primeira aeronave, o F-15EX seguirá para a base aérea de Eglin, na Flórida, para realização de testes adicionais necessários para atingir capacidade operacional plena. Um segundo F-15EX será entregue no final de abril de 2021 e outras seis aeronaves do primeiro lote serão entregues até o final do ano fiscal de 2023. Os lotes dois e três são previstos para chegar até 2025.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 15 de Março de 2021 às 17:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião Boeing F-15EX F-15 Eagle USAF EUA F-35 Sukhoi Su-57 Chengdu J-20