Guerra ao vírus

Delta Air Lines cria nova divisão especial de limpeza

Empresa pretende elevar ainda mais os rígidos protocolos de higiene a bordo das aeronaves


Delta Air Lines detém um dos menores índices de contaminação entre funcionários nos EUA, quase cinco vezes menor que a média

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

A Delta Air Lines está criando uma divisão de limpeza global com objetivo de evoluir os já altos padrões de limpeza da companhia e do setor aéreo. As equipes da empresa aérea estabeleceram um novo protocolo de limpeza após o início da pandemia global em meados de março

De acordo com a Delta Air Lines, a mudança que os passageiros experimentam em relação à transformação do padrão de limpeza é a base sobre a qual a futura experiência de viagem está sendo construída.

LEIA TAMBÉM

A empresa está estruturando uma nova equipe dedicada apenas a criação de novos protocolos de segurança e higiene a bordo dos aviões. Aumentando consideravelmente os padrões de limpeza e higienização, com foco especial a áreas onde existe constante toque, como telas de entretenimento, braços dos assentos, entre outros.

“Essa equipe trará para a limpeza o mesmo foco e rigor já conhecidos das ocasiões em que transformamos as expectativas dos clientes quanto a indicadores como pontualidade, não cancelamento de voos e bagagem. Com isso, os viajantes podem se sentir confiantes ao optar por voar conosco”, disse Bill Lentsch, diretor executivo de experiência do cliente da Delta.

Processo de higienização das aeronaves foram ampliados nos últimos meses tornando ainda mais rígidos os protocolos existentes antes da pandemia.

O departamento de Limpeza Global continuará a desenvolver e executar os novos padrões de limpeza nas instalações e aeronaves, melhorando a segurança tanto para funcionários como para os viajantes. A Delta inclusive conta atualmente com um dos menores índices de contaminação no setor, em especial entre as companhias aéreas dos Estados Unidos.

“As medidas de proteção em vigor para você e nossos funcionários estão causando impacto: durante as últimas seis semanas, a taxa de infecção entre nossos funcionários que lidam diretamente com os clientes foi mínima, quase cinco vezes menor do que a média nacional”, comentou Ed Bastian, CEO da Delta Air Lines.

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 14 de Junho de 2020 às 11:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Delta Air Lines covid-19 coronavirus CEO Ed Bastian Estados Unidos higiene limpeza de aviões