Cada um segue seu caminho

Azul deixa associação brasileira das empresas aéreas

Companhia afirma que buscará discutir de forma direta suas demandas com autoridades e sociedades


A Azul anunciou sua saída da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear). A companhia, que é uma das fundadoras da associação, criada em 2012, optou por seguir um caminho independente. Em nota a empresa afirma que reconhece as contribuições da Abear ao setor, porém, entende que deve defender seus interesses de forma direta.

O anuncio ocorre semanas após um duro embate entre a Azul com as rivais Gol e latam pelo espólio da Avianca. Inicialmente a Azul tinha demonstrado interesse no leilão de ativos da concorrente, que enfrenta um processo de recuperação judicial e tem cancelados centenas de voos. Dias após divulgar seu interesse nos ativos da Avianca, em especial os horários de pouso e decolagem de Congonhas, a Gol e Latam afirmaram que também concorreriam ao espólio.

LEIA TAMBÉM

Desenvolvimento de bioquerosene ganha apoio do setor aéreo brasileiro

United muda pintura e adota azul como principal cor

Maior avião comercial brasileiro recebe certificação tripla


 

“Estamos animados com nosso futuro. Vamos seguir com nossos planos de desenvolver cada vez mais cidades, mercados e frota”, diz John Rodgerson, presidente da Azul. “Por isso, entendemos que nosso diálogo com a sociedade civil, autoridades, órgãos competentes e demais stakeholders deve ser feito diretamente pela companhia”.

Em nota a Abear apenas agradece a parceria da Azul, sem detalhar a negociação para sua saída ou o impacto na organização. A Abear também pode perder a participação da Avianca, caso a empresa encerre suas operações, o que deixaria a entidade com apenas quatro empresas aéreas brasileiras como membro, Gol, Latam, MAP e Passaredo.

Leia abaixo a integra da nota da Abear.

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) agradece a AZUL LINHAS AÉREAS, uma de suas fundadoras em 2012 e que agora anuncia sua saída, por ajudar no crescimento e consolidação da entidade no período em que a aviação comercial brasileira avançou como meio de transporte de massa conectando o país e promovendo o seu desenvolvimento social e econômico.

A ABEAR permanece firme na sua missão de promover um ambiente de cooperação empresarial, respeitando a competição e estimulando cada vez mais o hábito de voar. Prosseguiremos atuando na defesa dos interesses do setor, em benefício dos passageiros e do país.

Por Edmundo Ubiratan | Fotos: Divulgação

Publicado em 2 de Maio de 2019 às 16:00


Notícias Azul Gol Latam Avianca Passaredo Map Abear empresa aérea ANAC