Vacinação

Aeroporto de Brasília anuncia capacidade para receber vacinas contra covid-19

Terminal possuí câmaras frias especiais que permitem receber e manusear a logística do medicamento


O aeroporto de Brasília já se prepara para receber a vacina de covid-19, que exige uma série de cuidados especiais, que deverá ser distribuída nacionalmente.

Ainda que não exista uma data ou definição para a campanha de vacinação, a Inframerica, concessionária responsável por administrar o aeroporto de Brasília, anunciou que o terminal de cargas já possui câmaras frias com controle de temperatura que variam entre -22 °C e -16 °C, assim como de 2 °C a 8 °C, além de um armazém com temperatura controlada entre 15 °C e 25 °C.

O aeroporto ainda detém autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para armazenamento deste tipo de carga, que exige atenção especial e deve atender uma série de requisitos para armazenamento.

Além do cumprimento das certificações exigidas, o Terminal de Cargas (Teca) de Brasília é historicamente especializado na logística de insumos médicos. Segundo a Inframerica, as cargas farmacêuticas correspondem a 80% de toda a movimentação do armazém, reiterando o preparo para receber e tratar as vacinas contra a covid-19.

“Estamos prontos para auxiliar e ajudar na logística de qualquer tipo de vacina que chegue aos nossos armazéns. São anos tratando essa categoria de produto com qualidade e rapidez. Temos uma equipe excelente e toda a competência e diligência da Receita Federal também”, disse Marcos Trindade, gerente de logística da Inframerica.

No caso dos imunizantes que necessitam uma temperatura abaixo de -70 °C, o terminal de cargas possui um pátio com estrutura e geradores capazes de atender mais de cem contêineres do tipo Envirotainer, um equipamento apropriado para o transporte de cargas que exigem controle de temperatura e de alto valor agregado. Para manter o clima refrigerado, a carga especial já chega em embalagens próprias e preparadas para manter o ambiente requerido.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 8 de Janeiro de 2021 às 10:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Brasília aeroporto covid-19 vacina