Contra insurgente

Super Tucano se envolve em primeiro conflito na Nigéria

Aeronave brasileira foi declarada operacional, mas grupo separatista tenta reverter seu uso temendo massacre


Embraer Super Tucano da Nigéria

Aeronave foi oficialmente introduzida pela força aérea da Nigéria e cerimônica contou com autoridades dos EUA

O primeiro lote do Super Tucano destinado a Nigéria foi declarado introduzido em serviço pela força aérea. A cerimonia realizada entre os militares nigerianos e autoridades do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, ocorreu no último dia 31 de agosto.

A Nigéria recebeu seus seis primeiros A-29 Super Tucanos no dia 22 de julho, após um processo de vendas intermediado pelos Estados Unidos.

O avião de ataque é produzido pela Embraer Defence & Security em conjunto com a norte-americana Sierra Nevada Corporation (SNC), dentro de um contrato para doze aeronaves.

Saiba mais...

Todavia, o grupo separatista na região de Biafra, no leste da Nigéria, entrou com uma ação em Washington, nos Estados Unidos, contra o Secretário de Estado, Antony Blinken e o Secretário de Defesa, Lloyd Austin, com objetivo de vetar as vendas dos aviões.

Ainda que metade do pedido já tenha sido entregue, o grupo separatista Ipob (Povos Originários de Biafra) pretende impedir a chegada dos seis aviões remanescentes e tentar retirar do país os demais.

O argumento é que o governo nigeriano poderá usar as aeronaves contra a minoria de Biafra, como ocorreu durante o conflito entre 1967 e 1970. Na ocasião o movimento separatista foi duramente reprimido pelas forças federais, com um saldo de ao menos 2 milhões de mortos.

Atualmente o Ipob busca a convocação de um plebiscito para votar a independência de nove estados nigerianos, algo considerado ilegal por Abuja, capital do país. O governo considera o grupo com organização terrorista.

O projeto prevê a criação de um pequeno estado independente, que representa apenas 8% do território atual da Nigéria, mas concentra a maior parte das reservas de petróleo e gás, assim como 65 milhões de pessoas, o que representa 30% da população do país.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 2 de Setembro de 2021 às 11:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Embraer Super Tucano Nigéria separatista terrorista Biafra Ipob SNC Biden