Imaginação animada

Todos os aviões de Snoopy no cinema

Eterno rival do Barão Vermelho, o simpático beagle leva para a telona as saborosas referências dos combates aéreos da Primeira Guerra


O filme "Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme" nasceu nostálgico. A animação digital, que narra as aventuras da famosa turma do Peanuts (Minduim no Brasil), vem arrebatando os mais saudosista desde que estreou no Brasil neste início de ano. A turminha criada pelo cartunista norte-americano Charles Schulz tem como destaque o azarado Charlie Brown e seu fiel amigo Snoopy, um simpático beagle que passa horas criando histórias fantásticas.

O filme mantém a essência dos personagens, incluindo as investidas de Snoopy contra seu maior inimigo, ás alemão da Primeira Guerra: Red Baron. A animação e as tirinhas contam com uma série de curiosidades para os entusiastas da aviação.

Surge um ás da Primeira Guerra
O mais famoso alterego de Snoopy é o piloto de caça na Primeira Guerra. A primeira vez que se imaginou aviador foi numa tirinha publicada em 10 de outubro de 1965, em que já disputava a soberania dos céus com o Barão Vermelho. Já a aparição inaugural numa animação como piloto ocorreu em 27 de outubro de 1967, no especial Great Pumpkin (Grande Abóbora). Na ocasião, Schoroeder, o pianista da turma, tocava diversos temas da década de 1910, que embalaram os terríveis anos da guerra. Em geral, após imaginar seus duelos com o Barão Vermelho, Snoopy termina o embate dizendo “Curse you, Red Baron!” (Maldido seja, Barão Vermelho).


O jovem Barão Vermelho com o icônico Fokker Dr.1

Barão Vermelho
Considerado o ás dos ases, o alemão Manfred Albrecht Freiherr von Richthofen é o maior inimigo de Snoopy. O jovem piloto alemão se tornou uma lenda na aviação mundial ainda vivo, quando conseguiu obter 80 vitórias em combate. Embora seu mais famoso avião tenha sido o triplano Fokker Dr. I, foi com o Albatros D.III que o jovem piloto obteve 61 vitórias. Nas histórias, Snoopy já enfrentou o Barão Vermelho tanto no Albatros D.III quando no Fokker Dr.1. Curiosamente, o beagle sonhador jamais conseguiu abater seu maior rival, embora tenham travado intensos combates.

Sopwith Camel


Dos mais de 5.500 Sopwith Camel produzidos, apenas 10 foram preservados.

Para combater o Barão Vermelho, Snoopy escolheu nada menos que o Sopwith Camel como sua aeronave. Ao sentar sobre sua casinha vermelha, o famoso beagle imagina voar num dos mais lendários caças de todos os tempos, justamente a aeronave responsável por abater o icônico triplano do Barão Vermelho.

O Sopwith Camel foi projetado e produzido pela Sopwith Aviation Company, como um substituto do Sopwith Pup. O protótipo do Camel voou pela primeira vez em 22 de dezembro de 1916, pilotado por Harry Hawker, que anos mais tarde seria cofundador da Hawker Aircraft.

O Camel possuía uma estrutura bastante robusta e avançada para a época, sendo impulsionado por um motor radial rotativo Clerget 9B de 110 hp. Ao longo da guerra, o modelo recebeu outros tipos de motores, como o Gnome Monosaupape 9N de 150 hp. O Camel possuía duas metralhadoras Vickers .303 pol (7,7 mm) montadas acima do painel, equipadas com sistema de sincronismo, o que era relativamente novo na época. O sistema de sincronismo permitia instalar a metralhadora antes das hélices. Um dispositivo desenvolvido por Roland Georges Garros (sim, o que empresta seu nome ao famoso torneio de tênis) impedia que o projétil fosse disparado quando a hélice estivesse na frente dos canos. Foi graças a uma cobertura metálica sobre as metralhadoras que surgiu o nome Camel, já que a proteção lembrava uma corcova.

O Camel possuía uma manobrabilidade superior a seus rivais alemães Albatros D.III and D.V, embora tivesse uma curiosa tendência em curva. Devido ao torque do motor rotativo, o avião possuía uma tendência de curva mais lenta para a esquerda com nariz apresentando ligeira tendência de subir. Da mesma forma, a rolagem para direita era extremamente ágil, com nariz tendendo para baixo. Tal característica levou a maior parte dos pilotos a adotarem uma manobra incomum. Quando necessitavam curvar 90° para a esquerda, a maioria realizava uma curva à direita de 270°. 

Snoopy e seu eterno rival Barão Vermelho

O Camel foi empregado pelas principais forças aéreas de seu tempo, como do Reino Unido, Austrália, Bélgica, Canadá, Grécia, Holanda e Estados Unidos. Ao todo foram produzidos aproximadamente 5.500 Camel. Apenas 10 exemplares encontram-se preservados atualmente.

No. 201 Squadron
Em algumas historinhas, há uma sugestão de que Snoopy voe pelo No. 201 Squadron, um dos mais importantes esquadrões da então Royal Naval Air Service. O esquadrão foi criado em outubro de 1914 como No. 1 Squadron, sendo incorporado pela Royal Air Force em 1918, quando passou a ostentar a designação 201. Durante a Primeira Guerra, o No.201 Squadron recebeu diversos pilotos estrangeiros em seus quadros. O esquadrão esteve envolvido em diversos conflitos do século 20. Entre as aeronaves operadas esteve o Sopwith Camel, Sopwith Snipe, Supermarine Southampton, Short Sunderland e Avro Shackleton. Entre 1982 e 2010, o esquadrão operou com os BAe Nimrod, o avião de patrulha desenvolvido a partir da plataforma do icônico de Havilland Comet.


major William Barker e seu Sopwith Camel número B6313: 46 abates na Primeira Guerra.

Major William George Barker
Mesmo sem nunca ter sido confirmado, a escolha do No. 201 Squadron pelo Snoopy não teria sido aleatória. Foi nesse esquadrão que voou o canadense William George Barker, um dos maiores ases da Primeira Guerra. O então major voava com um Sopwith Camel (serial no. B6313) no qual obteve a maior parte de suas vitórias em combate. Os registros apontam que B6313 encerrou sua participação na guerra com 46 abates, entre aviões e balões. A aeronave acabou sendo desmantelada meses após o final do conflito, pois o projeto Camel já considerado obsoleto.

Trilha Sonora
A mais famosa trilha sonora composta para os embates aéreos entre Snoopy e o Barão Vermelho foi criada em 1966 pela banda norte-americana The Royal Guardsmen. O sexteto de Ocala, Flórida, lançou o single Snoopy Vs. The Red Baron na mesma época em que mudava o nome original da banda, Posmen para The Royal Guardsmen, como uma resposta à invasão das bandas britânicas nos Estados Unidos. A música é inspirada nos sucessos da época da Primeira Guerra, que inclui uma performance militarizada.

Da redação

Publicado em 29 de Janeiro de 2016 às 16:00


Notícias Snoopy Red Baron Sopwith Camel Fokker Dr.1