Rival do PT6

Novo turbo-hélice da GE Aviation deverá voar até o final do ano

Desenvolvido para o Cessna Denali o motor conta com uma série de inovações tecnológicas


Atrasos no desenvolvimento do motor Catalyst postergaram primeiro voo do Cessna Denali, previsto inicialmente para 2019

A GE Aviation deverá iniciar ainda em 2020 os primeiros voos de teste com o novo motor turbo-hélice Catalyst, que deverá equipar o futuro Cessna Denali. A expectativa é que o motor seja instalado em um King Air, que será utilizado como bancada de ensaios em voo.

O programa Denali prevê um monoturbo-hélice avançado, com características similares dos concorrentes Pilatus PC-12 e Daher TBM 940, sendo o primeiro modelo da categoria produzido pelo grupo Textron.

LEIA TAMBÉM

Novo motor GE Catalyst conta com uma série de avanços de engenharia e de construção

Todavia, alguns atrasos no desenvolvimento do motor levaram a uma mudança no cronograma do primeiro voo do Denali, que era previsto para ter ocorrido no final de 2019. O Catalyst é um projeto completamente novo da GE Aviation, reunindo uma série de inovações em engenharia e construção.

Os ensaios em solo estão em fase avançada, incluindo testes de vibração, congelamento, simulação de alta altitude – com simulando voos a 41.000 pés, durabilidade de componentes e controles.

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 18 de Junho de 2020 às 15:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião GE Aviation Textron Cessna Denali turbo-hélice Catalyst motor jato turbina aviação de negócios