Dará lugar à família 787

Korean Air aposentará quadrimotores em até dez anos

Companhia substituirá A380 e 747-8 por aeronaves bimotoras de nova geração


Airbus A380 da Korean Air

Airbus A380-800 da Korean Air - Foto: Divulgação.

A Korean Air, sediada na Coreia do Sul, vai aposentar o Airbus 380-800 nos próximos cinco anos e o Boeing 747-8 nos próximos dez anos, em prol da eficiência.


Em entrevista à FlightGlobal, na quinta-feira (20), o CEO da companhia, Cho Won-tae, disse que um total de dezesseis aeronaves, inclusive as seis unidades da Asiana Airlines, que passa por processo de fusão com a empresa, serão retirados gradativamente da frota. Eles serão substituídos por vinte 787-10 e dez 787-9, da Boeing, encomendados em 2019.

A família 787 tem eficiência de combustível de 20% a 25% maior, se comparada com aeronaves de gerações anteriores, e emite 20% a menos de dióxido de carbono (CO₂) e de óxido de nitrogênio (NO₂).

Cho também revelou confiança no 737 MAX, apesar de ressaltar que a fabricante poderia ter lidado melhor com os problemas enfrentados pelo modelo nos últimos dois anos. Foram encomendadas 30 aeronaves em 2015, mas as primeiras duas unidades (HL8349 e HL8350) somente serão entregues nas próximas semanas, por preocupações relacionadas à segurança.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

 

Marcel Cardoso

Publicado em 20 de Agosto de 2021 às 06:10


Notícias noticias noticias de aviação Korean Air Coreia A380 Boeing 747 787