Estava voando rápido

Jato executivo da Gulfstream voou quase na velocidade do som

Novo G700 atingiu marca de Mach 0,99 durante a campanha de ensaios em voo


G700 esteve apenas 0,1 de quebrar a barreira do som

  • Faça parte do grupo de AERO Magazine no Telegram clicando aqui

O G700 voou além da velocidade máxima de operação e altitude de cruzeiro, atingindo MMach 0,99 e uma altitude de 54.000 pés. Vale ressaltar que ao atingir um MMach (Máximo Mach) de 0,99 o avião ficou apenas 0,1 de atingir a velocidade do som, voando em uma das regiões mais críticas para uma aeronave, que é o limite transônico.

A Gulfstream tem avançado no programa de testes de voo do G700, iniciando a avaliação dos limites de velocidade e altitude, com o objetivo de validade e expandir o desempenho do projeto. Atualmente o avião realizou mais de cem voos de teste, concluindo recentemente o teste de vibração e expandiu o envelope de voo em alta e baixa velocidade.

De acordo com a Gulfstream, em condições típicas o G700 possui uma velocidade operacional máxima de Mach 0,925 e uma altitude operacional máxima de cruzeiro de 51.000 pés.

Durante a campanha de ensaios em voo os fabricantes extrapolam os limites de projeto, buscando comprovar sua segurança em situações extremas. Ao obter o máximo de desempenho os engenheiros podem certificar com segurança os limites operacionais, que estão sempre distantes do máximo do projeto.

Ampla suíte com cama de casal é um dos itens de série do G700

“Projetamos e desenvolvemos o G700 para nossos clientes voarem com segurança e eficiência, enquanto desfrutam do mesmo nível de conforto que eles dispõem no solo”, afirmou Mark Burns, presidente da Gulfstream. “Com o máximo em tecnologia e o melhor e mais fresco ambiente de cabine, o G700 abre novas oportunidades em viagens de jatos executivos.

Lançado em outubro de 2019, durante a NBAA – BACE, que ocorreu em Las Vegas, o G700 possui a mais cabine espaçosa do segmento, além de, por ora, dispor do maior alcance (projetado) em comparação aos seus concorrentes.

O G700 é equipado com os motores Rolls-Royce Pearl 700, que garante a aeronave voar em velocidade de cruzeiro Mach 0,90 por 6.400 nm (11.853 km) ou Mach 0,85 por 7.500 nm (13.890 km).

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

Por Gabriel Benevides

Publicado em 29 de Julho de 2020 às 16:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Gulfstream G700 Rolls-Royce Pearl 700 NBAA NBAA-BACE Las Vegas