MAX em Congonhas

Gol passa a voar com o 737 MAX no aeroporto de Congonhas

Avião permitirá a empresa ampliar oferta de assentos e reduzir os custos operacionais


Boeing 737 MAX 8 da Gol em frente a torre de controle de Congonhas

Após quase um ano após a retomada dos voos o 737 MAX 8 passará a voar no aeroporto de Congonhas

A Gol passou a voar com  Boeing 737 MAX 8 em Congonhas, o principal aeroporto da capital paulista. As operações com o modelo contemplam sobretudo voos a partir de São Paulo para Fortaleza, Recife e Salvador, no Nordeste, além de Florianópolis, no Sul.

O primeiro voo regular com o modelo no aeroporto ocorreu no último sábado (3), ampliando o uso da família 737 MAX no Brasil. A Gol atualmente conta com de aeronaves do modelo em serviço, com previsão de chegar aos dezoito até o final do ano.

Um dos destaques do 737 MAX em relação aos modelos anteriores é seu bagageiro superior ligeiramente maior, assim como novas poltronas e capacidade para até 186 passageiros.

Os ganhos com a chegada do avião ao aeroporto de Congonhas, são relevantes para a Gol, que com uma frota mais robusta da família 737 MAX poderá ampliar a totalidade de destinos estratégicos atendidos. A aeronave oferece consumo ao menos 15% menor que o 737-800, reduzindo os custos operacionais e permitindo competir com os rivais que empregam o Airbus A320neo em Congonhas.

O 737 MAX ainda permite melhor performance para voos de longa duração decolando da pista de Congonhas, garantindo o transporte sem restrições de passageiros e cargas.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 6 de Julho de 2021 às 15:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Boeing 737 737 MAX 737-800 Airbus A320neo Congonhas Gol