Fase de testes

Bombardeiro nuclear russo foi revitalizado e será testado ainda este ano

Tupolev Tu-160M pode voar acima da velocidade do som e representa um grande valor estratégico


Em 2015 foi decidido o programa de modernização do Tu-160 Blackjack | Foto: UAC

O bombardeiro russo Tu-160M vai realizar um teste de solo ainda no mês de dezembro, na pista da Kazan Aviation Enterprise, empresa parte da  Tupolev, localizado na histórica cidade de Kazan, no Tártaro.

De acordo com a agência estatal russa TASS, a aeronave fará testes em solo, incluindo de alta velocidade de táxi e na pista de decolagem, mas não há voo programado no momento.

O bombardeiro estratégico recebeu várias atualizações, entre elas no cockpit com aviônica aperfeiçoada, novos motores NK-32-02, novos sistemas de missão e demais atualizações.

Em 2015, o governo russo decidiu atualizar a frota dos bombardeiros Tu-160, com o primeiro voo de uma uma aeronave atualizada ocorrendo cinco anos depois, onde foram testados vários sistemas. Na ocasião o avião era um exemplar de testes iniciais, enquanto a unidade atual apresenta uma série de melhorias de projeto.

Mesmo sendo concebido ainda na antiga União Soviética, o Tu-160 ainda representa um grande valor estratégico aos militares russos, sendo considerado o maior bombardeiro supersônico do mundo.

Modernizar aeronaves antigas para aumentar sua vida útil, não acontece somente na Rússia, visto as vantagens econômicas e de tempo. Os Estados Unidos também pensam da mesma forma, tanto que farão uma grande atualização nos veteranos bombardeiros B-52H Stratofortrees, que somam mais de 60 anos de serviço. Uma das mudanças mais importantes será a troca dos motores Pratt & Whitney TF-33 pelos modernos Rolls-Royce F-130, os mesmos utilizados em jatos de negócios de última geração.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Por André Magalhães

Publicado em 1 de Dezembro de 2021 às 10:20


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação tu160 rússia tupolev atualização testes