Entregas devem ser ampliadas ao redor do mundo

Suíça utiliza novo tipo de drone para envio de medicamentos

Voando além do alcance de visão do operador, sistema pode revolucionar o uso de veículos não tripulados nos próximos anos


Drones voando além da linha de visão (BVLOS, na sigla em inglês) realizam o primeiro transporte aéreo comercial em Berna, na Suíça. Os veículos aéreos não tripulados estão sendo utilizados no transporte de amostras de laboratório e medicamentos urgentes entre a Insel University Hospital e o Tiefenau Hospital em cooperação com o Swiss Post, os correios suíço.

Embora o voo seja relativamente curto, com distância de 2,5 km, ocorrendo dentro do espaço aéreo controlado em torno do aeroporto da cidade, o marco é voar além da linha de visão do operador do drone.

Os drones são equipados com o sistema de informação de tráfego e de anticolisão Flarm (Flight and Alarm), que permite que sejam rastreados e identificados a qualquer hora do dia.

O Swiss Post planeja utilizar a tecnologia de drones em missões similares também em Zurique. O novo serviço vai ligar o laboratório clínico Zentrallabor ZLZ com o Hirslanden in Park Hospital, utilizando uma rota que cruza o Lago Zurich, em espaço aéreo parcialmente controlado. 

A autoridade suíça de aviação civil tem trabalhado em conjunto com o projeto,  realizando a inspeção do drone e todos seus componentes, além de definir as condições legais para os voos. Foi concedido autorizações especiais para voos em Berna e Zurique. A introdução do serviço de drones pode, potencialmente, melhorar as condições de certos pacientes.

“Quando amostras de laboratório tem de ser transportadas de A para B todo minuto é precioso”, afirmou Uwe Jocham, CEO da Insel.

O uso de veículos aéreos não tripulados em serviços especializados é uma aposta da indústria aeronáutica para a próxima década. Empresas como a Amazon, ainda esperam conseguir aprovação para realizar entregas com drones em cidades congestionadas. Inclusive, redes de restaurante estudam o emprego desses veículos para entrega de comida nos próximos anos.

Por Ernesto Klotzel

Publicado em 8 de Junho de 2018 às 17:00


Notícias Drone UAV Amazon