Retomada

Retomada internacional ainda depende de passaporte de vacinação

Brasil ainda não definiu detalhes de como será a abordagem para criação do documento


Airbus A340 das TAP

Viagens internacionais ainda depende de definição de passaporte de vacinação

Com o avanço da imunização no Brasil, com ao menos 70 milhões de pessoas totalmente vacinadas, a aviação doméstica continua se recuperando gradualmente. O setor aéreo espera retomar até 90% da capacidade e oferta pré-pandamia já no mês de dezembro.

Contudo, as empresas aéreas, aeroportos e autoridades brasileiras, acreditam que a plena retomada da capacidade, especialmente internacional, dependerá da criação de um Certificado Internacional de Vacinação.

A Iata (International Air Transport Association) aponta que o certificado internacional de vacinação ainda é um tema ainda em aberto no Brasil e que as autoridades devem trabalhar para definir o mais brevemente possível a questão. “É fundamental que o Brasil esteja em linha com o que se faz no mundo, por isso o trabalho agora é de construir o certificado com os padrões internacionais para que os brasileiros possam viajar pelo mundo”, comentou Felipe Reis, da Iata.

A retomada de voos internacionais também é essencial para a recuperação do setor de ground handling, que foi severamente afetado pelo cancelamento de centenas de voos diários no país. “Os principais clientes das empresas de handling são as empresas aéreas estrangeiras que entregam todo o suporte em solo para empresas especializadas como as nossas”, disse Ricardo Aparecido Miguel, presidente da Abesata (Associação Brasileira das Empresas de Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo).

Atualmente alguns países reabriaram a fronteira com o Brasil, em especial destinos europeus, como Espanha e Portugal, que já registram elevada procura por voos.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 10 de Setembro de 2021 às 10:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Espanha Portugal Iata Abesata passaporte vacina viagens internacionais