Ora pois

Primeiro KC-390 da Força Aérea Portuguesa está sendo montado

Aeronave deverá iniciar a campanha de ensaios em voo ainda este ano


Primeiro KC-390 da Força Aérea Portuguesa

Portugal possui um pedido firme para cinco aviões, que serão entregues entre 2023 e 2027

O primeiro KC-390 da Força Aérea Portuguesa (FAP) está em fase avançada de produção na unidade da Embraer em Gavião Peixoto, no interior de São Paulo. A expectativa é que o avião realize ainda este ano seus primeiros voos, antes de ser entregue para Portugal.

Após montagem da aeronave, a Embraer dará início a uma complexa campanha de ensaios e validações, visando certificar o avião dentro dos requisitos da FAP. A entrega deverá ocorrer em meados de 2023, com uma taxa de um avião ao ano, com a última aeronave chegando em Portugal em 2027.

Portugal assinou, em julho de 2019, um acordo firme para cinco KC-390, que deverão substituir no médio prazo a atual frota de C-130 portugueses. Um dos objetivos do programa é justamente ingressar em mercados tradicionalmente ocupados pelo C-130 Hercules.

Com a escolha do KC-390, Portugal foi o primeiro da Europa e da Otan a optar pelo cargueiro brasileiro. Recentemente a Hungria se tornou o terceiro cliente do jato da Embraer, adquirindo dois aviões.

Ainda que, por ora, a Embraer acumule apenas sete pedidos internacionais, ante os 28 aviões encomendados pelo Brasil, a expectativa é que com a consolidação das operações na FAB haverá maiores condições de comprovar na prática as capacidades do projeto.

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 9 de Fevereiro de 2021 às 09:30


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Embraer KC-390 C-390 Millennium C-130 FAP Portugal Hungria Otan Nato