Recordes estão em processo de homologação

Novo G500 quebra uma série de recordes em voo

Novo jato de negócios da Gulfstream obtém 8 marcas durante turnê mundial


Durante sua apresentação global o novo jato de negócios G500 da norte-americana Gulfstream estabeleceu uma série de oito recordes mundiais para a categoria.

 

Em uma turnê que passou pelo sudeste asiático, Oriente Médio, África, Europa, Caribe e Estados Unidos, o modelo cumpriu todas as etapas em tempo recorde. Os destaques são os voos entre Singapura e Dubai, realizado em 6h54, com velocidade média de Mach 0.9. Na etapa seguinte, partindo de Dubai para o Lagos, na Nigéria, o G500 necessitou de 7h35 para cumprir o voo.

 

Outro voo realizado em tempo recorde foi entre Luanda, em Angola, até Foz do Iguaçu.. O G500 cruzou o Atlântico e parte do território brasileiro em 8h13 voando a Mach 0.9. O retorno para a sede da Gulfstream, em Savannah, na Geórgia, levou 7h40 minutos. Comparativamente, a marca é o mesmo tempo que um avião comercial leva para fazer um voo entre São Paulo e Miami, que é aproximadamente 1.000 km mais próxima que o trajeto feito pelo G500. O reconhecimento das marcas estabelecidas aguarda decisão da National Aeronautic Association.

No total, os recordes mais recentes incluem:

Singapura - Dubai em 6h54 voando Mach 0.9

Dubai - Lagos em 7h35 voando Mach 0,90.

Lagos - Bridgetown, Barbados em 9h08 voando Mach 0,87

Bridgetown - Savannah em 3h45 voando Mach 0,9

Abu Dhabi - Luanda, Angola em 7h23 voando Mach 0,9

Luanda - Foz do Iguaçu, Brasil em 8h13 voando Mach 0,9

Foz do Iguaçu - Savannah em 7h40 voando Mach 0,9.

Kona - Melbourne em 10h37 voando Mach 0,85.

Por Ernesto Klotzel

Publicado em 23 de Abril de 2018 às 13:00


Notícias Gulfstream G500