Falha compromete ainda mais credibilidade da Boeing

Nave espacial da Boeing falha durante lançamento

Missão é abortada após Starliner consumir mais combustível que o esperado


Nave Starliner da Boeing sofreu uma anomalia e retornou a Terra sem encontrar a Estação Espacial

A nave espacial Starliner, da Boeing, pousou em segurança neste domingo (22) no deserto do Novo México, Estados Unidos, após não ter cumprido a missão de alcançar a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês).

A Starliner foi lançada na sexta-feira (20), do Cabo Canaveral, na Flórida, com objetivo de comprovar sua viabilidade e segurança. A Boeing é uma das empresas contratadas pela Nasa para cumprir missões de transporte de astronautas para a ISS. O programa, que está atrasado em relação ao cronograma original, sofreu um forte revés após uma anomalia comprometer o contador de tempo de missão.

LEIA TAMBÉM

Após a separação da nave do foguete que a transportava, seus motores não acionaram conforme o planejado o que impossibilitou sua entrada na órbita terrestre de forma correta. Com a falha a Starliner consumiu combustível em excesso durante sua correção de trajetória, comprometendo assim sua chegada na estação espacial.

As equipes da Boeing e da Nasa optaram por cancelar a viagem e retornar com a nave em segurança. O pouso ocorreu conforme planejado após a Starliber manter uma órbita em uma altitude de 250 km, viajando a mais de 28.000 km/h. Segundo a Nasa, a reentrada comprovou a segurança do escudo térmico e dos sistemas de controle e de paraquedas.

Os contratempos no projeto de envio de astronautas para a ISS pela iniciativa privada ocorre especialmente pelo elevado nível de segurança exigido. 

O conceito atual possui parâmetros extremamente maiores que os existentes no auge da Corrida Espacial, quando grandes riscos eram aceitos. Tais referências da década de 1960 não são aceitos pelas agências espaciais atualmente, comprometendo os cronogramas a cada pequena falha observada.

ASSINE AERO MAGAZINE COM ATÉ 76% DE DESCONTO

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 23 de Dezembro de 2019 às 12:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Boeing Starliner ISS Estação Espacial Apollo Nasa