Resultados positivos

Embraer entregou 28 aeronaves no terceiro trimestre de 2020

No período fabricante brasileiro ainda atingiu a marca de 250 aviões de negócios em serviço na América Latina


No terceiro trimestre de 2020 a Embraer atingiu a marca de 250 aviões de negócios em serviço na América Latina

A Embraer entregou 28 aeronaves no terceiro trimestre de 2020, sendo sete aviões comerciais e 21 jatos de negócios, sendo 19 leves e dois grandes. A carteira de pedidos firmes a entregar  totalizava USD 15,1 bilhões em 30 de setembro de 2020.

Ainda que a aviação comercial global venha sofrendo forte retração por conta da pandemia do novo coronavírus, a Embraer formalizou com a Helvetic Airways um contrato de conversão de quatro de seus pedidos firmes remanescentes para o E195-E2, o maior avião comercial da família E-Jet E2. O pedido original feito pela empresa suíça em setembro de 2018, previa doze E190-E2, com direitos de compra para outros doze, incluindo a opção de conversão para o E195-E2. Até agora, a Embraer entregou cinco E190-E2 à Helvetic Airways e as entregas das demais sete aeronaves, incluindo os quatro E195-E2, serão concluídas antes do final de 2021.

Além disso, a vietnamita Bamboo Airways iniciou operações com dois E195, usados que fazem parte da primeira geração de E-Jets.

No segmento da aviação de negócios, a Embraer consolidou no período a marca de 250 aviões em operação na América Latina com a entrega de um Phenom 100EV e de um Phenom 300E para dois clientes brasileiros. Por fim, a empresa entregou o primeiro Phenom 300E com o novo interior Bossa Nova para Joe Howley, Cofundador do Patient Airlift Services (PALS).

  • Se inscreva no canal da AERO Magazine no YouTube clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 20 de Outubro de 2020 às 08:09


Notícias notícias de aviação aeronave avião Embraer Legacy Praetor Phenom 100EV Phenon 300 E-Jet E195-E2 A190