SAA de volta

Companhia aérea sul-africana volta a voar em setembro

South African Airways volta após um ano de paralisação


Airbus A330 da South African Airways

Companhia estava mergulhada em uma crise financeira acentuada pela covid-19 - Foto: Divulgação

Depois de um ano, a South African Airways vai voltar a operar voos comerciais no próximo dia 23 de setembro, após autoridades sul-africanas concederem novamente o Certificado de Operador Aéreo (AOC) para voos domésticos e internacionais.

A companhia havia suspendido suas atividades em setembro de 2020, após se ver mergulhada em uma crise que começou antes mesmo da pandemia do coronavírus. Em dezembro do ano anterior, ela entrou com pedido de recuperação judicial, mas a covid-19 só ajudou a piorar a sua situação financeira.

Em abril deste ano, a empresa conseguiu sair do processo e o controle foi dado de volta ao governo da África do Sul. Dois meses depois, a empresa Takatso Consortium adquiriu 51% de suas ações, prometendo investimentos de US$ 221,6 milhões (R$ 1,16 bilhão).

Inicialmente, a companhia fará rotas de Joanesburgo (JNB) e da Cidade do Cabo (CPT) com outros países do continente africano. A venda de passagens voltará a ser feita a partir do próximo dia 6.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Marcel Cardoso

Publicado em 25 de Agosto de 2021 às 15:05


Notícias noticias noticias de aviação SAA South African Voos Retorno África Companhia Aérea