Triplo Sete

Com pintura simplificada o terceiro 777X realiza voo inaugural

Aeronave será dedicada aos ensaios de motores e sistemas relacionados


Note a pintura simplificada do terceiro protótipo do 777-9

  • Faça parte do grupo de AERO Magazine no Telegram clicando aqui

Na última segunda-feira (03), a Boeing introduziu na campanha de ensaios em voo o terceiro protótipo do Boeing 777-9. A aeronaves de matrícula N779XY realizou o seu voo inaugural dando início ao processo de testes de motores e sistemas relacionados.

A aeronave decolou da fábrica de Everett (PAE), nos arredores de Seattle, nos Estados Unidos e realizou um voo de 3 horas e 34 minutos, pousando na sequencia na unidade de produção da Boeing de Seattle (BFI).

Segundo o fabricante, o terceiro protótipo passará por um rigoroso programa para avaliar o desempenho da propulsão da aeronave durante a sua campanha de testes. O voo inaugural ocorre após a Boeing anunciar uma mudança de cronograma na entrega do primeiro avião, causada pela pandemia do coronavírus.

 

Ainda assim, a participação de três aeronaves na campanha de ensaios demonstra que mesmo após os contratempos enfrentados pela suspensão temporária de parte de suas operações nas unidades fabris de Everett e Seattle, a Boeing se mantém comprometida com a certificação no prazo do programa 777X.

O primeiro voo do 777-9 ocorreu em 25 de janeiro deste ano, semanas antes do colapso no transporte aéreo global. O programa 777X vem enfrentando alguns atrasos sucessivos no cronograma, parte causado por uma falha nos motores GE9X, desenvolvidos pela GE Aviation.

A Boeing acumula mais de 310 encomendas para a família 777X, mas enfrenta o desafio de concluir no prazo a certificação ao mesmo tempo que paira a incerteza de como será o mundo pós covid-19, já que algumas companhias aéreas estão revendo os seus planos para aeronaves de longo curso.

Saiba mais...

Parte dos protótipos da família 787 também receberam a pintura básica em branco com detalhes em azul

Desde que a Boeing alterou seu padrão de pintura (house color), adotado inicialmente pelo protótipo do 787-8, em meados de 2007, se tornou usual parte da frota destinado aos ensaios em voo receberem um esquema em branco com detalhes em azul. Por serem aeronaves destinadas a ensaios especificos e distante das páginas de revistas e jornais, é vantajoso optar por uma pintura mais simples e rápida de ser executada. Normalmente o primeiro protótipo é que realiza a maioria das aparições públicas, ostentando o padrão azul.

  • Receba as notícias de AERO diretamente no Telegram clicando aqui

Por Gabriel Benevides

Publicado em 5 de Agosto de 2020 às 16:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Boeing 777 777X 777-9 Seattle Everett GE9X Ge Aviation 787 Dreamliner covid-19