Nova fase

Após 34 anos Blue Angels se despedem do F/A-18 Hornet

Equipe acrobática da marinha dos Estados Unidos renova a frota de aeronaves e se prepara para os seus 75 anos


F/A-18 Hornet dos Blue Angels

Os Blue Angels voaram com todas as quatro variantes do F/A-18 Hornet

Os Blue Angels, time acrobático da marinha dos Estados Unidos, realizou hoje (4) a última apresentação com os F/A-18 Hornet. A apresentação ocorreu na costa da Flórida, partindo da estação naval de Pensacola, onde a unidade fica baseada.

A aposentadoria dos Hornet ocorre após 34 anos de sua estreia, substituindo os A-4 Skyhawk e ampliando o número de manobras do repertório do esquadrão. Ao longo de três décadas os Blue Angels operaram as quatro variantes do F/A-18 Hornet (A/B e C/D).

Já no próximo ano os F/A-18E/F Super Hornet vão ostentar a cor azul e amarelo, dando início a nova fase nas apresentações. Os aviões são uma evolução da família F/A-18, contando com novo projeto, aviônica aperfeiçoada e maior potência.

Ainda que os voos públicos com os novos aviões comecem apenas na temporada de 2021, a partir do dia 16 de novembro os Blue Angels iniciam a transição para o F/A-18 Super Hornet. A maior parte do treinamento ocorrerá em El Centro, na Califórnia, onde a equipe tradicionalmente fica baseada entre novembro e meados de abril, se preparando para o calendário de shows aéreos do ano seguinte.

Saiba mais...

Embora a maioria dos pilotos dos Blue Angels já tenham voado ao Super Hornet, será necessário um aperfeiçoamento das capacidades de voo e do conjunto de manobras. O processo de troca de aeronave começou em 2018, quando a Marinha dos Estados Unidos formalizou um acordo com a Boeing para conversão de onze Super Hornet para os Blue Angels, sendo nove F/A-18E e dois F/A-18F.

Recentemente os Blue Angels também substituirá o Fat Albert, o C-130 que presta suporte logístico nos deslocamentos e realiza parte do show aéreo. Um C-130J Super Hercules foi adquirido do arsenal britânico, sendo incorporado em meados de 2020 a frota.

A mudança de aeronave ainda deverá marcar os 75 anos do time, que começou a voar em 1946, sendo atualmente o segundo esquadrão acrobático mais antigo do mundo, após o francês Patrouille de France.

  • Se inscreva no canal da AERO Magazine no YouTube clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 4 de Novembro de 2020 às 17:56


Notícias notícias de aviação aeronave avião Boeing Lockheed F/A-18 Hornet Super Hornet Blue Angels C-130 Hercules Patrouille de France