Aumento do valor

Suíça anuncia mudança no valor de 36 unidades do caças furtivo F-35A

Mesmo com aumento o caça sairia mais barato que um concorrente, diz autoridade


Suíça vai usar o F-35A para substituir sua antiga frota de caças F/A-18 Hornet  | Foto: Usaf

A Suíça fez algumas atualizações no programa Air 2030, que visa a compra de 36 caças Lockheed Martin F-35A. A atualização está ligada no valor da aeronave furtiva.

Quando foi a anunciada a escolha do F-35A, em julho de 2021, o valor das 36 unidades custaria cerca de US $ 5 bilhões. Contudo, revendo questões da inflação até o ano de 2031, esse valor subiu para US $ 6,3 bilhões.

Entretanto, mesmo com o aumento do valor, Marc Siegenthaler, o secretário-geral adjunto do Departamento Federal de Defesa da Suíça, disse que o caça norte-americano continua sendo a oferta mais barata, mesmo com a inflação.

Na concorrência para reequipar a força aérea suíça, outros caças estavam na disputada, como o Boeing F/A-18E/F Super Hornet e o Eurofighter Typhoon. Além disso, o Saab Gripen E estava na competição, mas foi retirado do programa por não ser possível a entrega a imediata.

Além dos caças furtivos que irão substituir os antigos F/A-18C e F-5E Tiger II, o país vai adquirir o sistema de defesa aérea Raytheon Patriot.

 

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Por André Magalhães

Publicado em 30 de Novembro de 2021 às 16:20


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação lockheed martin f35a suíça stealth caça