BBJ

Recuperação nas vendas dos BBJ

Mercado deve normalizar em dois anos


A Boeing estima que, dentro de dois anos, a venda de seus jatos corporativos Boeing Business Jet (BBJ) se recupere, após um “difícil” 2016.

A Boeing Business Jet que comercializa variantes de sua linha comercial normal, atribui a redução pela metade de suas vendas durante este ano, ao voto Brexit britânico e às eleições nos Estados Unidos. Em 2016 foram vendidos três BBJ, todos narrow-body ante dez em 2015 – inclusive quatro wide-body e 14 em 2014.

A Boeing está em negociações com três a quatro BBJ embora seja difícil conclui-las com sucesso antes de 31 de dezembro – 2016 é provavelmente o ponto mais baixo na história dos BBJ, com exceção da crise global de 2009.

Os BBJ, competem com os Airbus Corporate Jetliner (ACJ) no mesmo mercado, representando apenas uma fração das vendas totais de jatos comerciais das duas empresas.

Ernesto Klotzel

Publicado em 7 de Dezembro de 2016 às 16:29


Notícias Boeing BBJ Airbus ACJ