Aviação Militar

Rafale continua enfrentando problemas na Índia

Impasse contratual e industrial atrasam assinatura de contrato


Fontes do Ministério da Defesa Indiano confirmam que o acordo de aquisição de 126 caças Dassault Rafale pela Índia está estagnado. Entre as justificativas estaria a falta de um consenso sobre a produção sob licença dos aviões na Índia, que deverá ser feito pela estatal HAL (Hindustan Aeronautics Ltd). Parte do problema seria interno, já que a Força Aérea da Índia exige uma série de garantias da HAL, entre elas o cumprimento do cronograma de produção e entrega dos Rafale, sobretudo porque há uma série de problemas recentes com contratos entre os militares e a HAL, que não foram cumpridos pela companhia. Porém, a estatal afirma que tais garantias deverão ser dadas pela Dassault, que é a proprietária intelectual do projeto e a contratante, sendo a HAL apenas uma subcontratada pelo governo indiano e pelo consórcio francês. Outro problema crítico é definir quais partes do Rafale serão produzidas na Índia e quando tal processo será iniciado. A Dassault afirma que a HAL e demais empresas indianas não têm conhecimento do modelo de produção e gestão ocidentais, portanto, o processo de montagem deverá ser gradual, conforme a HAL absorva tais conhecimentos.
Tentando evitar o colapso do programa, o Ministério da Defesa estabeleceu quatro subcomitês para finalizar o acordo. Os comitês formados trabalham nas questões de transferência de tecnologia de produção, compensações financeiras, logística e custos. Ainda assim, fontes no governo acreditam que o contrato não será assinado nos próximos meses. A previsão inicial era fechar o acordo até março, quando termina o atual ano fiscal indiano, mas o governo já trabalha num novo prazo dentro do próximo ano fiscal.  Os militares temem que, com os constantes atrasos, o país comprometa sua defesa aérea, considerada crítica devido à situação geopolítica do país, que tem graves atritos com o Paquistão e, não raro, enfrenta desentendimentos com a China.

 

Da redação

Publicado em 10 de Fevereiro de 2014 às 12:48


Notícias HAL Índia Dassault Rafale