Operador sumiu

Aeroporto procura donos de aviões gigantes abandonados

Administradores de Kuala Lumpur, na Malásia, tentam localizar os proprietário de três 747-200 parados no pátio


Por mais inusitado que seja, a história é real. O aeroporto internacional de Kuala Lumpur, na Malásia, anunciou que está à procura do proprietário de três Boeing 747 abandonados.

O operador aeroportuário entrou em contato com os antigos proprietários dos três 747-200, que não retornaram o contato. O TF-ARM e o TF-ARH tiveram como últimos operadores a Air Atlanta Icelandic, enquanto o TF-ARN teve como último operador a Malaysia Airlines, embora conste como sendo a última proprietária a Air Atlanta Icelandic.

A singular história não é novidade. Anualmente, diversos aviões são abandonados em aeroportos do mundo, sem que seus proprietários reclamem sua posse. A maioria pertence a empresas altamente endividadas, muitas delas com sede distante do aeroporto onde o avião pousou pela última vez.

O aeroporto malaio afirmou que caso não haja nenhum contato nos próximos 15 dias, os aviões serão colocados à venda para pagar as taxas atrasadas de permanência. Provavelmente os três Boeing não devem atrair o interesse de nenhuma empresa, sendo possivelmente vendidos como sucata.

Da redação

Publicado em 9 de Dezembro de 2015 às 11:33


Notícias Boeing 747-200 Kuala Lumpur