Aviação Executiva

Primus Epic recebe novos recursos

Honeywell acrescenta novos recursos tecnológicos à cabine que ajudam pilotos nas fase de pouso e taxiamento


A Honeywell Aerospace está trabalhando em novos recursos destinados a suíte Primus Epic com objetivo de auxiliar nos procedimentos de aterrissagem e o taxiamento.

Entre os recursos estão mapas móveis de aeroporto em 2-D e 3-D, sistema de visão sintética SmartView, com atualizações que reduzem os valores mínimos de pouso, dispositivo para a cabine do piloto com informação sobre o tráfico e muito mais. Os novos recursos oferecerão aos pilotos uma experiência aprimorada e segura e estarão disponíveis para todas as plataformas que suportam o Primus Epic, com certificação para no máximo em dois anos.

“Você deve imaginar que assim que o piloto aterrissa o avião, depois de uma viagem de oito horas, a carga de trabalho diminui e se torna mais simples, mas isso não é sempre verdade” disse Sandy Wyatt, piloto de operações de teste de voos da Honeywell Aerospace. “Em um aeroporto desconhecido, especialmente à noite, a carga de trabalho dos pilotos pode aumentar bastante assim que eles pousam e desativam a pista de decolagem e começam o processo de taxiamento”.

Entre as melhorias do Primus Epic estão:

Sistema de visão sintética SmartView, que permite reduzir valores mínimos de pouso. Estas atualizações trazem o SmartView para o PFD e preparam as aeronaves para que elas reduzam os valores mínimos de aterrissagem, indo de 200 até 150 pés.

Mapas móveis dos aeroportos em 2D e 3D que exibem as pistas de decolagem, taxiamento, estrutura do aeroporto, e placas de vários aeroportos no dispositivo de navegação. O mapa móvel em 3D atualiza o sistema de visão sintética com uma visão “de fora da janela” do aeroporto no PFD.

Dispositivo da cabine para informação sobre tráfico que apresenta a posição das aeronaves próximas equipadas com transponders ADS-B no MFD, dando à tripulação um melhor conhecimento e compreensão do tráfego aéreo e de superfície.

Controles com tela touch screen são utilizando numa tela de 8 polegadas totalmente integrados aos sistemas da cabine da aeronave, fornecendo desde funcionalidade avançada de planejamento de voo e controle de áudio até lista de verificação e controle de sistemas de aeronaves, entre outros.

Nova conectividade com carregamento de dados sem fio que eliminam o custo e o esforço para implementar atualizações. Isso permite os pilotos se beneficiarem com um ambiente sempre atualizado, com vários recursos gráficos sobre o clima em todo o mundo, atualizações em tempo real sobre dados importantes, tela de navegação, entrega imediata de informações específicas e localização relevante.

Da redação

Publicado em 28 de Outubro de 2014 às 18:00


Notícias Honeywell Primus Epic