Elefantes prontos para guerra

Marcha do elefante reúne KC-135, B-52 e drones Global Hawk

Exercício realizado na base aérea de Andersen, em Guam, demonstra capacidade militar permanente dos EUA


Na imagem cinco B-52 e seis KC-135 alinhados na pista da base aérea Andersen, em Guam

A força aérea e a marinha dos Estados Unidos realizaram um exercício conjunto de demonstração de prontidão de combate. A manobra chamada normalmente de Elephant Walk (marcha do elefante, em tradução literal) reuniu os bombardeiros pesados B-52 Stratofortress e os aviões-tanque KC-135 Stratotanker, assim como os drones RQ-4 Global Hawk e os helicópteros MH-60S Knighthawk da marinha.

LEIA TAMBÉM

Note dois Global Hawk liderando a marcha do elefante realizada na ilha de Guam, no oeste do Oceano Pacífico

O exercício teve como objetivo manter a plena capacidade de resposta do 36th Wing, estacionado na base aérea Andersen, uma das principais dos Estados Unidos no Pacífico, localizada na ilha de Guam, no oeste do Oceano Pacífico. As forças armadas dos Estados Unidos mantêm prontidão constante, mesmo em tempos de crise, inclusive podendo ser acionada para eventuais missões humanitárias.

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 15 de Abril de 2020 às 01:40


Notícias notícia de aviação aeronave avião Boeing B-52 KC-135 RQ-4 Global Hawk MH-60S Knighthawk USAF US Navy Guam Pacífico Andersen AFB