Indústria

Inmarsat e a Honeywell obtém sucesso no teste do JetWave MCS 8200

Nova plataforma via satélite permitirá conexões de alta velocidade em voo


A Inmarsat e a Honeywell anunciaram que obtiveram sucesso no teste de desempenho do hardware JetWave MCS 8200 em aeronaves conectadas com a rede de satélite Global Xpress (GX), da Inmarsat. O teste realizado no dia 4 de março demonstrou que a próxima geração de conectividade para passageiros, companhias aéreas e operadores está próxima de se tornar realidade.

Durante a avaliação, a equipe demonstrou como a tecnologia GX Aviation pode dar suporte às múltiplas transferências de arquivos e vídeo streaming – garantindo que os passageiros tenham a mesma experiência com o  Wi-Fi tanto a 40.000 pés de altura como se estivessem no solo. Os testes estão sendo realizados em instalações localizadas em Tewkesbury, no Reino Unido, o que significa que em breve a Inmarsat começará os testes com altas taxas de dados.

O terminal JetWave MCS 8200 da Honeywell permite a aeronave se conectar com a rede de satélite Inmarsat Global Xpress e está em testes de certificação completa, passando pelas certificações DO-160 de ambiente e interferência eletromagnética com início dos testes de voo sendo preparados para o segundo trimestre de 2015.

O GX já está em funcionamento na região do Oceano Índico em serviços para o governo, setor marítimo e para os clientes da empresa que possuem o primeiro satélite Global Xpress, lançado no ano passado. O êxito do lançamento do segundo satélite, em fevereiro 2015, reforça que a rede de Ka-band da Inmarsat agora cobre as Américas e a região do Oceano Atlântico. O terceiro satélite está programado para ser lançado no segundo trimestre e cobrirá a região do Oceano Pacífico, completando a rede global Xpress e fornecendo cobertura mundial.

Da redação

Publicado em 23 de Março de 2015 às 12:00


Notícias Inmarsat Honeywell JetWave MCS 8200