Receitas tiveram leve resultado positivo

Embraer tem prejuízo de quase R$ 180 milhões no terceiro trimestre

Fabricante entregou 30 aeronaves no período, sendo 21 executivos e nove comerciais


Embraer E175

Fabricante reiterou que irá entregar cerca um total de cerca de 140 aeronaves no ano - Foto: Divulgação.

A Embraer divulgou os resultados financeiros do terceiro trimestre de 2021, reportando prejuízo de R$ 179,7 milhões, com perdas acumuladas de R$ 489,8 milhões nos nove primeiros meses do ano. Já a carteira de pedidos firmes (backlog) encerrou o trimestre em US$ 16,8 bilhões (R$ 94,1 bilhões).

No período foram entregues nove aeronaves comerciais e 21 executivas, totalizando 32 jatos comerciais e 54 executivos entre janeiro e setembro. 

A receita líquida auferida foi de R$ 5,01 milhões, alta de 22% em comparação ao terceiro trimestre de 2020. Segundo a Embraer, o resultado foi impulsionado pelo maior número de entregas na aviação comercial, que tem demonstrado uma gradual retomada do transporte aéreo. A aviação executiva também contribuiu, com maior representação das entregas totais, especialmente pela maior demanda por aviões de negócios nos últimos anos.

Para o fim do ano, a Embraer espera entregar de 45 a 50 jatos comerciais e de 90 a 95 jatos executivos e que sua receita líquida consolidada fique entre US$ 4,0 e US$ 4,5 bilhões (entre R$ 22,4 e R$ 25,2 bilhões).

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Marcel Cardoso

Publicado em 5 de Novembro de 2021 às 08:55


Notícias noticias noticias de aviação Embraer Resultados Trimestre Lucro Prejuízo Aeronaves