Gradual recuperação

Embraer encerrou 2020 com queda de 35% no volume de entregas

Balanço do último trimestre mostrou recuperação em relação aos primeiros nove meses do ano passado


Aviação brasileiro Embraer E175 E-Jet

Aviação comercial obteve melhor desempenho no último trimestre de 2020, quando comparado aos primeiros nove meses

A Embraer divulgou hoje (12) os resultados do quatro trimestre de 2020, quando registrou crescimento no número de entregas em relação aos primeiros nove meses do ano, especialmente na aviação comercial.

No último trimestre do ano passado foram entregues 71 aviões, sendo 28 comerciais e 43 executivos (23 leves e 20 grandes), o que representa uma redução de dez aeronaves no comparativo com o mesmo período do ano passado.

O resultado real de 2020 foi quase 35% inferior ao ano anterior, refletindo a desaceleração causada na aviação pela pandemia, com 130 aviões entregues, sendo 44 comerciais e 86 executivos (56 leves e 30 grandes), ante um total de 198 em 2019.

Em 31 de dezembro de 2020, a carteira de pedidos firmes a entregar totalizava US$ 14,4 bilhões. Na ocasião a empresa tinha ainda como pedidos para entregar um total de 132 aviões E175, três E190, sete E190-E2 e 139 unidades do E195-E2.

Vale notar a mudança no comportamento do mercado, em reação a segunda geração do E-Jet E2m tendo maior preferência pelo E195-E2, o modelo de maior capacidade da família. A Embraer ainda não certificou o E175-E2, que tem como meta substituir os A175 de primeira geração, mas que depende de uma melhor condição do cenário pós-pandemia e aposta em uma mudança nas leis das cláusulas de escopo, da aviação regional dos Estados Unidos. Atualmente o E175-E2 está acima dos limites regulamentares, limitando assim seu uso em rotas que não sejam classificadas como regionais, onde em geral as empresas norte-americanas optam por modelos maiores, como a família A320 e 737.

Ainda assim, o E175 continua sendo uma opção viável para o mercado norte-americano, que em mantido um ritmo constante de entregas para o modelo.

A companhia aérea bielorrussa Belavia recebeu seu primeiro jato E195-E2. Já a Congo Airways fez um pedido firme para dois jatos E195-E2, em edição ao pedido firme já existente para dois jatos E190-E2. Este novo pedido foi incluído na carteira do quarto trimestre de 2020.

Durante o quarto trimestre de 2020, a Embraer Aviação Executiva entregou o primeiro Praetor 600 de frota para a Flexjet, uma empresa frotista que foi o cliente de lançamento dos modelos Praetor, durante um anuncio realizado na NBAA-BACE 2019. O novo avião é uma evolução da família Legacy 450/500, ampliando a capacidade e alcance, além de incluir melhorias significativas de desempenho e itens de cabine.

Dentro do pacote de atualização da família Legacy, a Embraer concluiu no ano passado a conversão do primeiro Legacy 450 em um jato Praetor 500 para um cliente não divulgado na Europa. Os serviços foram realizados no Centro de Serviços para Jatos Executivos da Embraer, em Le Bourget, nos arredores de Paris.

A unidade da aviação de negócios também anunciou uma colaboração com a Porsche para criar o Duet, composto por edições limitadas do Phenom 300E e do Porsche 911 TurboS, que compartilham itens de design em comum, como a pintura exclusiva.

A divisão militar, a Embraer Defesa & Segurança entregou o quarto C-390 Millennium para a Força Aérea Brasileira (FAB) no quarto trimestre. O modelo segue o padrão adotado pela FAB de poder ser empregado como reabastecedor aéreo, identificado pela designação KC-390 Millennium. A Embraer também entregou à FAB os dois primeiros E-99 modernizados. Os aviões de alarme aéreo antecipado e controle e alarme em voo são baseados na plataforma básica do EMB 145 e foram projetados originalmente no final da década de 1990.

Com a evolução dos sistemas eletrônicos os E-99 foram extensamente atualizados, permitindo inclusive a integração com os futuros sistemas dos caças Gripen E/F, assim como dos F-5M e A-1M. Três aeronaves E-99 adicionais serão modernizadas como parte do contrato.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 12 de Fevereiro de 2021 às 15:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Embraer Legacy Praetor KC-390 E-Jet E195-E2 E175 Phenom 300 Porsche