Aviação Comercial

CSeries apresenta problema no motor

Falha compromete cronograma e afeta previsão de entregas


A Bombardier confirmou que um dos protótipos do CSeries sofreu o que chamou de “incidente de motor”, enquanto realizava inspeções de solo.
O incidente obrigou o cancelamento dos voos de teste e envolveu uma reunião emergencial com a Pratt & Whitney, fabricante dos motores PurePower, que impulsionam o novo avião.

“A Pratt & Whitney está trabalhando de perto com a Bombardier para entender o incidente. Não há mais detalhes”, disse a porta-voz da Pratt & Whitney Sara Banda em comunicado.

Uma eventual falha nos motores pode comprometer não apenas o desenvolvimento do CSeries, mas também impacta diretamente os projetos Airbus A320neo e Embraer E-Jet E2, ambos equipados com a família PurePower.

Para a Bombardier o problema é ainda maior, já que o CSeries vem acumulando uma série de atrasos. O bilionário programa deveria ter sido concluído em meados de 2013, mas a última revisão prevê que a certificação ocorra apenas em 2015, com as entregas ocorrendo no segundo semestre.

Da redação

Publicado em 4 de Junho de 2014 às 06:58


Notícias CSeries PurePower Bombardier Pratt & Whitney Embraer Airbus A320neo E-Jet