Ligação histórica

Coreia do Norte solicita inédita ponte aérea entre Pyongyang e Seul

Caso aprovada, será a primeira rota regular entre os dois países desde a divisão do território há quase 70 anos


Após o histórico encontro entre os líderes da Coreia do Sul e a do Norte, em abril, a ICAO confirmou que o regime do ditador Kin jong-un enviou um pedido para operar uma rota regular entre Pyongyang e Seul.

A voo deverá ser operada pela companhia norte-coreana Air Koryo, em viagens regulares entre as duas capitais. Para isso, a ICAO deverá enviar uma missão prevista para a próxima semana para a Coreia do Norte, que vai analisar e discutir os parâmetros para estabelecimento da nova rota.

Caso aprovada, será a primeira ligação regular entre os dois países desde a divisão do território coreano há quase 70 anos anos, logo após o fim da Segunda Guerra.

Nos anos 2000, as duas Coreias realizaram voos fretados entre as duas capitais, que foram cancelados em meados de 2008 com o aumento das tensões entre ambos os países.

Trata-se de um voo de menos de 1h00, que deverá ser feito por aeronaves adquiridas da então União Soviética. A frota da Ayr Koryo é compostas por jatos modelos Tupolev e Ilyushin, com versões capazes de transportar 70 a 190 passageiros, além dos Antonov. 

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 8 de Maio de 2018 às 16:30


Notícias Coreia Pyongyang Seul Air Koryo