Aposentadoria por tempo de serviço

Boeing 747 se despede de mais uma empresa aérea no mundo

China Airlines realizou o voo final com o modelo, que segue agora apenas como cargueiro


Boeing 747 da China Airlines estacionados no aeroporto de Taipei, em Taiwan

China Airlines foi uma das principais operadoras do 747 ao longo de quase cinquenta anos

A aposentadoria global dos veteranos 747-400 se aproxima cada vez mais rápido, especialmente as versões de transporte de passageiros. A China Airlines, de Taiwan, realizou o último voo com o modelo no sábado (20).

A empresa era uma das principais operadoras da família 747, iniciando os serviços com o Jumbo em 1975. A despedida do avião na frota contou com um voo especial, de cinco horas de duração, programado especialmente para atender aos entusiastas do Jumbo.

O voo CI2747, foi realizado pelo 747-400 de registro B-18215, que decolou de Taipei, capital de Taiwan, com destino ao Japão, onde apenas sobrevoou o Monte Fuji, para em seguida retornar para o aeroporto de origem.

No voo final o 747-400 da China Airlines sobrevoou pela última vez o Mar da China, que por várias décadas foi uma das regiões com maior número de voos diários com o 747. O Jumbo se notabilizou na Ásia graças a sua capacidade acima da média, podendo transportar mais de 400 passageiros em configuração de classe única.

A China Airlines operou com os 747-100, 747-SP (versão de fuselagem encurtada e de longo alcance), 747-200 e 747-400. A empresa chegou a ser considerada um potencial cliente para o 747-8I, mas o surgimento de novos bimotores de alta capacidade tornou pouco atrativa aquisição de um quadrimotor.

A empresa taiwanesa passou a voar especialmente com os Boeing 777-300ER e mais recentemente com os Airbus A350-900, nas rotas anteriormente exclusivas do 747. Por ora, apenas os 747 cargueiros seguem em serviço, mas poderão ser retirados de operação com o surgimento de novos modelos cargueiros, como o 777-300F, que oferece capacidade próxima ao 747-400.

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 22 de Março de 2021 às 15:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião Boeing 747 747F 747-400 777-300ER Airbus A350 cargueiro China Airlines 747SP Taipei Taiwan