Amazon

Amazon patenteia armazens “flutuantes”

Uma nova logística: centros de distribuição em dirigíveis


A Amazon, para quem as entregas de encomendas por meio de drones se acham em fase avançada de testes, está estudando mais um conceito pioneiro em sua gigantesca operação logística de âmbito mundial: armazéns e centros de distribuição que podem se deslocar, conforme as demandas do momento.

 Ao conhecido atacadista, foi concedida uma patente para um sistema que inclui uma “central de suprimento” móvel, flutuante, composta por um dirigível para o armazenamento de produtos e veículos aéreos não-tripulados para sua distribuição.

A documentação da patente aponta para um blimp a grande altitude, completado por blimps menores em movimento constante de transporte do centro de distribuição flutuante transferindo carga, pessoal, drones de entrega, entre outros.

A Amazon, incansável, tem obtido outras patentes dentro do mesmo conceito da logística aérea, como a comunicação inter-drone e estações de recarga no topo de postes e outras estruturas. 

Ernesto Klotzel

Publicado em 30 de Dezembro de 2016 às 13:05


Notícias Amazon drones blimp