Solidariedade internacional

Alemanha usa Airbus configurado como hospital voador

A310 da Luftwaffe é usado para ajudar no combate ao Covid-19


A310 MRTT pode ser reconfigurado para diversas missões, recebendo kits modulares em seu interior

Um Airbus A310 da força aérea alemã está sendo utilizado para o transporte de pacientes de países vizinhos cometidos pelo COVID-19 e que necessitam de tratamento emergencial. Com a falta de leitos e recursos em algumas cidades e países, se tornou necessário o deslocamento de doentes para nações contíguas.

A aeronave da Luftwaffe buscou recentemente seis pacientes italianos da cidade de Bergamo que necessitavam de terapia intensiva. “Estamos realizando o transporte de pacientes em estágio grave da Itália para a Alemanha. É um importante sinal de solidariedade em um momento que a Europa precisa se unir”, disse o ministro da defesa alemão, Annegret Kramp-Karrenbauer.

LEIA TAMBÉM

O A310 que realizou essa missão é designado como MRTT, um modelo multifução utilizado majoritariamente como aeronaves de reabastecimento aéreo e cargueiro. Por sua flexibilidade de reorganização interna, o avião foi adaptado como ambulância aérea, recebendo um kit modular de MedEvac (evacuação médica), se tornando uma unidade de terapia intensiva completa.

Segundo a Luftwaffe, o A310 está equipado com o que seis estações de terapia intensiva (UTI), cada uma equipada com a mais recente tecnologia médica, incluindo modernos sistemas de diagnostico, máquinas respiratórias de longo prazo e sistema de injeções automáticas.

Os equipamentos a bordo permite que os médicos possam fazer quase todos os procedimentos de rotina que são efetuados dentro de um hospital, a única exceção é a realização de operações complexas no paciente.  Além das seis estações de terapia intensiva, o A310 conta com leitos hospitalares regulares, que podem acomodar até 38 pacientes.

Por Gabriel Benevides

Publicado em 1 de Abril de 2020 às 13:00


Notícias notícia de aviação aeronave avião Airbus A310 Luftwaffe covid-19 coronavirus Bergamo Itália UTI respiradores