A330neo

Primeiro voo do A330neo pode sofrer um atraso

O motor Rolls-Royce “Trent” deixou para trás o cronograma original


O primeiro voo do A330neo ficou para meados do terceiro trimestre deste ano, um atraso significativo com relação ao cronograma da Airbus para aeronaves remotorizadas.

O atraso foi atribuído ao motor “Trent 7000” da Rolls-Royce, que recentemente concluiu com sucesso seu programa de testes. Segundo o tradicional fabricante britânico “o primeiro voo deverá ocorrer em setembro – em lugar de agosto – “devido às longas férias de verão na França”.

Quando o programa foi lançado em 2014, a Airbus pretendia iniciar as entregas no final de 2017, adiadas agora para a o segundo trimestre de 2018.

Por Ernesto Klotzel

Publicado em 10 de Maio de 2017 às 12:29


Notícias AirbusA330.neo Rolls-Royce Trent 7000