Mundo Virtual

Pilotos canadenses revalidam carteiras em simulador

Regras alteraram necessidade de voo em processo de recheque de licenças


Seguindo a tendência global do uso itensivo de simuladores, os pilotos canadenses não são mais obrigados a pilotar um avião ou helicóptero real durante a fase de recheque de suas carteiras. Agora, para manter a validade de suas licenças, pelas regras instituídas em Ottawa, os testes em simuladores de voo serão suficientes.

Até então, os pilotos comerciais canadenses não podiam pilotar legalmente uma aeronave, salvo se tivessem ocupado as funções de comandante ou copiloto nos cinco anos anteriores ou completado uma reciclagem com um instrutor e satisfeito outros padrões de ensino.

A Associação Federal de Pilotos do Canadá, que representa todos os inspetores federais de aviação, classificou as novas regras como “arriscadas”. As autoridades defendem que haverá uma diluição nas competências de treinamento dos pilotos, colocando em risco aqueles que voam. 

Ernesto Klotzel

Publicado em 6 de Outubro de 2016 às 13:00


Notícias Airbus Boeing Embraer